Notícias

por Interlegis — publicado 11/02/2021 15h16, última modificação 07/12/2022 13h32
Banco de notícias desta Casa Legislativa.

Vereador Lucas das Malhas destaca trabalho da gestão Allyson Bezerra

por Amanda Santana Balbi publicado 18/10/2022 12h15, última modificação 18/10/2022 12h15
Vereador ressaltou reformas de equipamentos públicos e pavimentação
   Vereador Lucas das Malhas destaca trabalho da gestão Allyson Bezerra

Vereador Lucas das Malhas. Foto: Edilberto Barros/CMM

O vereador Lucas das Malhas (MDB) destacou o trabalho da Prefeitura de Mossoró na cidade, na sessão ordinária de hoje, 18. Lucas comemorou a pavimentação de ruas, a construção da ponte da Ilha de Santa Luzia e reformas de equipamentos públicos.

 “Devemos reconhecer avanços significativos em nossa cidade. É só ir até a Ilha de Santa Luzia e ver como a vida daquela população mudou com a construção da ponte. Além do asfalto das ruas Vicente Leite, Martins Júnior, Rua Farias. No Sumaré, pessoas que viviam na lama e poeira agora contam com pavimentação”, destacou Lucas.

 O vereador ainda reforçou que em todos os bairros de Mossoró ocorreram ou estão ocorrendo obras de melhorias. “Esforço diário que Allyson faz para melhorar a vida do mossoroense. Ontem entregamos a reforma da UBS Maria Soares, que há anos aguardavam. Os agentes comunitários que antes trabalhavam embaixo de uma árvore, agora contam com uma sala para as reuniões. E muito ainda será feito na nossa cidade”, disse.

Vereador Ricardo de Dodoca celebra entrega de praça no Bom Jesus

por Amanda Santana Balbi publicado 18/10/2022 12h12, última modificação 18/10/2022 12h12
Vereador lembrou que a praça é pedido antigo da gestão
Vereador Ricardo de Dodoca celebra entrega de praça no Bom Jesus

Vereador Ricardo de Dodoca. Foto: Edilberto Barros/CMM

O vereador Ricardo de Dodoca (PP) celebrou a entrega da praça do bairro Bom Jesus, durante pronunciamento na sessão desta terça-feira, 18. Ricardo lembrou que a solicitação para a construção da praça era antiga e foi atendida pela atual gestão.

 “No lugar era um lixão e agora contam com uma praça feita com material de qualidade. Fomos para a inauguração e pudemos ver a felicidade estampada no rosto do povo. É a gestão de Allyson fazendo o seu trabalho”, declarou Ricardo.

 Ricardo destacou ainda outras melhorias que a Prefeitura está fazendo, como reformas de UBS, construção de creches e pavimentação de ruas.

 

Vereador Omar Nogueira pede melhoria em iluminação pública

por Vitória Job publicado 18/10/2022 11h45, última modificação 18/10/2022 12h22
Parlamentar defende instalação de lâmpadas de LED na zona rural
Vereador Omar Nogueira pede melhoria em iluminação pública

Vereador Omar Nogueira. Foto: Edilberto Barros/CMM

O vereador Omar Nogueira (Patriota) comentou, na sessão ordinária desta terça-feira (18), que no ano passado foram trocadas 10 mil lâmpadas de Led em vários assentamentos e que a estimativa para esse ano é que fossem trocadas 15 mil lâmpadas, porém, essas mudanças ainda não foram feitas, segundo ele.

Discursando no pequeno expediente da sessão, o vereador também trouxe à tona visita a obras em assentamentos rurais, bairro Santo Antônio e a reforma do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) na Avenida Alberto Maranhão. "Peço que haja mais atenção para essas obras municipais e que o secretário de Infraestrutura aumente a fiscalização", diz.

  

Vereador Lamarque Oliveira volta a defender Shopping de Artesanato

por Vitória Job publicado 18/10/2022 11h35, última modificação 18/10/2022 12h30
Parlamentar solicita à Prefeitura elaboração de projeto para reforçar pleito
Vereador Lamarque Oliveira volta a defender Shopping de Artesanato

Vereador Lamarque Oliveira. (foto: Edilberto Barros/CMM)

O vereador Lamarque Oliveira (PSC) iniciou seu pronunciamento, na sessão da Câmara Municipal de Mossoró desta terça-feira (18), alertando para importância da assessoria da Prefeitura informar todos os vereadores e vereadoras sobre inaugurações das obras no município. O vereador denuncia que essas informações estão restritas há quem faz parte da base do governo.

Em seguida, o vereador ressaltou que o seu mandato continua reivindicando recursos para a construção do Shopping de Artesanato de Mossoró. "Mais de 200 artesãos e artesãs precisam da oportunidade de se sustentar através do seu trabalho, em local mais adequado", argumenta.

Por fim, reforçou seu pedido à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, para que faça o projeto, a fim de que tenha mais subsídios para buscar recursos em Brasília, para viabilizar Shopping de Artesanato de Mossoró.

Vereador Genilson Alves destaca entrega de obras pela Prefeitura

por Regy Carte publicado 18/10/2022 11h12, última modificação 18/10/2022 11h12
Parlamentar parabenizou gestão Allyson Bezerra pelo compromisso de revitalizar equipamentos públicos
Vereador Genilson Alves destaca entrega de obras pela Prefeitura

Vereador Genilson Alves na sessão de hoje, 18 (foto: Edilberto Barros/CMM)

Em pronunciamento na Câmara Municipal de Mossoró, nesta terça-feira (18), o vereador Genilson Alves (Pros) destacou a agenda de inaugurações da Prefeitura, neste mês. E parabenizou a gestão Allyson Bezerra pelo compromisso de revitalizar equipamentos públicos.

O parlamentar elogiou lista de obras. Iniciou pela entrega da reforma da Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Alto de São Manoel, ontem (17), seguida pela entrega de equipamentos da Unidade de Pronto de Atendimento (UPA) do bairro Santo Antônio, hoje.

Genilson Alves também relacionou entrega da reforma da UBS da Maísa (19/10); inauguração da praça do Nova Mossoró (21/10); inauguração da creche do bairro Papoco (24/10); entrega do Canal do Santa Helena (27/10) e inauguração da praça do Dom Jaime Câmara (28/10).

“Também teremos, ainda este mês, a inauguração da Ponte da Ilha de Santa Luzia, dia 29, e entrega da reforma do Teatro Municipal Dix-Huit Rosado, dia 31”, acrescentou Genilson Alves.

Ele reconheceu a contribuição da Câmara para essa e outras realizações, ao aprovar o Orçamento Municipal, por exemplo, e a colaboração de vereadoras e vereadores.

Turismo e meio ambiente

Ainda no pronunciamento, o vereador parabenizou o prefeito Allyson Bezerra pelo compromisso em projeto de revitalização do Rio Mossoró, reiterado em entrevista, ontem, e também enalteceu a importância do turismo para a geração de emprego e renda em Mossoró e região.

“O Polo Costa Branca agora será instância regional do turismo. Vamos continuar trabalhando em busca de parceria com entidades públicas e organismos privados, para desenvolver esse setor tão importante para a economia regional, que é o turismo”, frisou Genilson Alves.

IBGE faz balanço do Censo 2022 em reunião na Câmara

por Regy Carte publicado 17/10/2022 13h03, última modificação 17/10/2022 13h03
Objetivo é obter cobertura territorial correta e melhor qualidade dos dados levantados
IBGE faz balanço do Censo 2022 em reunião na Câmara

Reunião do IBGE na Câmara, hoje (17), discorreu sobre Censo 2022 (foto: Edilberto Barros/CMM)

Com o objetivo de promover a transparência do Censo Demográfico de 2022, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) realizou a 2ª Reunião de Planejamento e Acompanhamento do Censo 2022 (2ª Repac), na manhã desta segunda-feira, na Câmara Municipal de Mossoró.

Na oportunidade, o IBGE informou sobre o andamento da coleta no censo. A intenção é obter cobertura territorial correta e melhor qualidade dos dados levantados. A reunião contou com técnicos do IBGE e representantes de entidades e instituições, como Prefeitura de Mossoró e Sebrae. 

A apresentação foi feita por Laura Beatriz Verissimo Pacheco, servidora do IBGE em Mossoró. Ela apresentou informações extraídas, hoje (17), do Sistema Integrado de Gerenciamento e Controle (SIGC) do IBGE, que informa os dados do andamento da coleta de dados por estado ou município.

Eis a situação de Mossoró: total de setores (428); setores concluídos (206); setores em andamento (158); setores não iniciados (64); endereços visitados (111.020); domicílios entrevistados (67.820); domicílios fechados (15.975); população recenseada (195.475).

Entre as dificuldades, segundo Laura Veríssimo, estão ausências de moradores, recusas, acesso a condomínios e restrições de segurança. Notícias falsas, por exemplo, sobre o censo e o papel dos recenseadores, também dificultam o trabalho.

O coordenador de área do Censo Demográfico em Mossoró, Hildebrando Mota, discorreu sobre a tecnologia de georeferenciamento, utilizada no trabalho. “Os domicílios georeferenciados poderão ser de grande utilidade para a municipalidade, para obter parâmetros para o IPTU e mapeamento de possíveis pontos de alagamento pelas chuvas, por exemplo”, informa.

Saiba mais

O XIII Recenseamento Geral do Brasil, mais conhecido como Censo 2022, é a 13 ª operação censitária realizada em território brasileiro. A cargo do IBGE, tem a função de retratar a população brasileira, suas características socioeconômicas e, ao mesmo tempo, servir de base para todo o planejamento público e privado pelos próximos dez anos.

A coleta de dados do Censo 2022 começou em 1.º de agosto, contando com um orçamento de R$ 2,29 bilhões e mobilizando mais de 200 mil profissionais contratados exclusivamente para esta operação.

Inicialmente planejado para 2020, como costume de se realizar a cada dez anos, o censo foi adiado em um ano, impossibilitado de sua realização em razão da pandemia de COVID-19 no Brasil. Contudo, não ocorreu em 2021, após corte do Governo Federal da verba destinada à pesquisa em mais de 90%, sendo mais uma vez adiado para o ano seguinte.

Assistentes sociais reivindicam mais valorização em Mossoró

por Regy Carte publicado 13/10/2022 13h02, última modificação 13/10/2022 13h02
Audiência pública, nesta quinta-feira (13), apresentou demandas da categoria
Assistentes sociais reivindicam mais valorização em Mossoró

Audiência pública sobre situação da assistência social no município de Mossoró. Foto: Edilberto Barros/CMM

Em audiência pública, na manhã de hoje (13), na Câmara Municipal de Mossoró, assistentes sociais apresentaram reivindicações da categoria em Mossoró: criação e cumprimento de piso salarial e de Plano de Cargos, Carreira e Salários; inserção do profissional assistente social na educação básica e no programa Estratégia da Família e realização de concurso público pela Prefeitura de Mossoró.

A categoria também pleiteou melhor condição de trabalho. Segundo a coordenadora do Conselho Regional de Serviço Social (CRESS/RN), Karina Gadelha, há sucateamento de equipamentos, carência de profissionais, defasagem salarial. E ressaltou a importância da atuação dos profissionais. “Assistentes sociais são parceiros das políticas e defensor dos direitos dos usuários”, frisou.

Representante da Prefeitura de Mossoró na reunião, a psicóloga Naiara Mota assegurou que a gestão municipal é sensível às reivindicações da categoria. Informou que o governo está criando comissões internas para discutir quais reivindicações podem ser atendidas de forma mais rápida e quais necessitam de mais amadurecimento. “Reforço a disposição de diálogo da gestão municipal com a categoria”, assegurou.

A audiência pública foi presidida pelo proponente da reunião, vereador Professor Francisco Carlos (Avante), reuniu quantitativo significativo de assistentes sociais e foi acordada pela Câmara Municipal com a categoria, na sessão ordinária do último dia 14 de setembro.

Participaram os vereadores e vereadoras Tony Fernandes (Solidariedade), Omar Nogueira (Patriota), Pablo Aires (PSB), Paulo Igo (Solidariedade), Larissa Rosado (União Brasil), Marleide Cunha (PT) e Carmem Júlia (MDB), promotor de Justiça Sasha Alves, Eliete Vieira (presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró), entre outros (a).

Uma comissão formada por vereadores, representantes da OAB seccional Mossoró, Conselho Regional de Assistência Social, Ministério Público, Sindicato dos Servidores Públicos de Mossoró, assistentes sociais de cada área de atuação e outras entidades que estiveram presentes na audiência foi criada para, nos próximos meses, debater as questões levantadas na audiência pública.

Ao final da reunião o vereador Francisco Carlos avaliou positivamente a audiência pública, ao dar mais visibilidade à importância dos assistentes sociais e às reivindicações da categoria. “A Câmara Municipal cumpriu seu papel, dando voz aos profissionais. A partir de agora, acompanharemos de perto a situação, para que as reivindicações sejam atendidas”, assegurou.

Câmara Municipal de Mossoró sediará reunião do IBGE

por Vitória Job publicado 13/10/2022 10h52, última modificação 13/10/2022 10h52
Legislativo cede espaço informação e conscientização do censo, segunda-feira (17)
Câmara Municipal de Mossoró sediará reunião do IBGE

Plenário da Câmara Municipal de Mossoró. Foto: Edilberto Barros/CMM

A Câmara Municipal de Mossoró irá sediar uma reunião, na próxima segunda-feira (17), às 9h, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A reunião servirá para apresentar os números parciais do Censo 2022 e falar sobre as dificuldades encontradas para a realização das pesquisas.

Segundo a coordenadora de Subárea do IBGE de Mossoró, Laura Veríssimo, a reunião servirá para reforçar a importância do censo. Desde 1º de agosto, os recenseadores do IBGE estão coletando informações em cerca de 75 milhões de domicílios.

O objetivo do encontro é trazer a público e contar com a participação dos convidados para a propagação da importância de responder aos recenseadores, e fomentar que o trabalho deles colabora com informações atualizadas e fundamentais para desenvolvimento e implementação de políticas públicas e para a realização de investimentos, tanto governamentais quanto da iniciativa privada.

A Câmara, por sua vez, como forma de colaborar com o IBGE e os recenseadores de Mossoró, cedeu seu espaço para que seja possível a realização e acomodação dos interessados. 

Pane elétrica inviabiliza sessão na Câmara de Mossoró

por Regy Carte publicado 11/10/2022 10h45, última modificação 11/10/2022 10h44
No plenário, problema impediu o funcionamento de painel, microfones, som, ar condicionados e TV Câmara
Pane elétrica inviabiliza sessão na Câmara de Mossoró

Presidente Lawrence comunica inviabilidade de sessão ao plenário, nesta terça-feira, 11 (foto: Edilberto Barros)

Problema elétrico na Câmara Municipal de Mossoró inviabilizou tecnicamente a sessão ordinária desta terça-feira (11). Pane na rede interna provocou curto-circuito, que desligou parte dos equipamentos do Legislativo. No plenário, impediu o funcionamento de painel, microfones, som, ar condicionados e TV Câmara.

Assim, mesmo com quantitativo de vereadores mais do que suficiente para início da sessão, os trabalhos ficaram inviabilizados, apesar do empenho de técnicos eletricistas da Câmara para resolver a tempo o problema. Por volta das 11h, toda a rede elétrica do prédio foi desligada para manutenção.

O presidente da Câmara, Lawrence Amorim, comunicou oficialmente a situação ao plenário. Atendeu, com isso, recomendação da Secretaria Legislativa, em face da impossibilidade de registro oficial para fins de ata.

“Mesmo com quórum suficiente, não tivemos condições técnicas de realizar a sessão. Peças foram trocadas, mas a rede não conseguia suportar a carga de energia elétrica para os trabalhos”, informou o vereador.

Assinaram o livro de presença no plenário, hoje, 14 vereadores. O quórum mínimo para início da sessão é de 8 parlamentares. A expectativa é que o plenário esteja apto ao funcionamento normal, quinta-feira (13).

Neste dia, às 9h, está agendada audiência pública para discutir demandas dos profissionais assistentes sociais de Mossoró. A reunião está mantida e é proposta pelo vereador Professor Francisco Carlos (Avante).

Câmara realiza audiência pública para debater situação dos assistentes sociais do município

por Amanda Santana Balbi publicado 10/10/2022 11h25, última modificação 11/10/2022 10h01
Audiência está marcada para quinta-feira, 13
 Câmara realiza audiência pública para debater situação dos assistentes sociais do município

Vereador Francisco Carlos, propositor da audiência pública. Foto: Edilberto Barros/CMM

A Câmara Municipal de Mossoró vai realizar uma audiência pública sobre a situação dos assistentes sociais do município de Mossoró, na quinta-feira, 13, às 9h da manhã. A proposição é do vereador professor Francisco Carlos (Avante).

A audiência será conduzida pelo Conselho Regional de Serviço Social (CRESS/RN). Na pauta, servidores, representantes da prefeitura de Mossoró, entidades como Ministério Público e representantes do Conselho Municipal de Assistência Social vão debater piso salarial, necessidade de concurso público e inserção dos profissionais no Programa Estratégia da Saúde da Família e na educação.

A audiência será transmitida ao vivo pela TV Câmara Mossoró, no canal 23.2 da TCM e no canal 02 da Telecab. A população também pode acompanhar a transmissão ao vivo pelo site www.mossoro.rn.leg.br .

Projeto de Lei visa instituir "Domingo inclusivo" em prol do convívio social de pessoas com deficiência

por Amanda Santana Balbi publicado 08/10/2022 08h00, última modificação 06/10/2022 11h48
O projeto está em processo de tramitação
Projeto de Lei visa instituir "Domingo inclusivo" em prol do convívio social de pessoas com deficiência

Vereador Tony Fernandes. Foto: Edilberto Barros/CMM

O projeto de Lei Ordinária do Legislativo de número 115/22 está em curso na Câmara Municipal de Mossoró. Ele propõe promover um encontro mensal das pessoas com deficiência e sociedade em geral. O PL é de autoria do vereador Tony Fernandes (SD), datado em 26 de Setembro deste ano.

Se aprovada e sancionada, a lei possui a intenção de atender a esta parte da população que sofre com a falta de acesso à prática de esportes, lazer, cultura e entretenimento. O encontro também busca fortalecer a cidadania dessas pessoas contribuindo para sua qualidade de vida e ascensão social. A reunião seria realizada ao término de cada mês, nos diversos espaços públicos.

" Desta forma, o respectivo projeto visa o fortalecimento da cidadania das pessoas com deficiência, em prol do convívio social, socialização, autonomia, protagonismo e empoderamento, contribuindo para garantir sua qualidade de vida e ascensão social." Aponta o texto de justificativa do projeto.

 

Projeto de Lei visa instituir "Domingo inclusivo" em prol do convívio social de pessoas com deficiência

por Amanda Santana Balbi publicado 07/10/2022 08h00, última modificação 06/10/2022 11h45
O projeto está em processo de tramitação
Projeto de Lei visa instituir "Domingo inclusivo" em prol do convívio social de pessoas com deficiência

Vereador Lawrence Amorim. Foto: Edilberto Barros/CMM

Por: Vitória Job

O projeto de Lei Ordinária do Legislativo de número 115/22 está em curso na Câmara Municipal de Mossoró. Ele propõe promover um encontro mensal das pessoas com deficiência e sociedade em geral. O PL é de autoria do vereador Tony Fernandes (SD), datado em 26 de Setembro deste ano.

Se aprovada e sancionada, a lei possui a intenção de atender a esta parte da população que sofre com a falta de acesso à prática de esportes, lazer, cultura e entretenimento. O encontro também busca fortalecer a cidadania dessas pessoas contribuindo para sua qualidade de vida e ascensão social. A reunião seria realizada ao término de cada mês, nos diversos espaços públicos.

" Desta forma, o respectivo projeto visa o fortalecimento da cidadania das pessoas com deficiência, em prol do convívio social, socialização, autonomia, protagonismo e empoderamento, contribuindo para garantir sua qualidade de vida e ascensão social." Aponta o texto de justificativa do projeto.

Debate sobre LOA movimenta plenário da Câmara de Mossoró

por Regy Carte publicado 06/10/2022 12h35, última modificação 07/10/2022 12h29
Audiência pública, hoje (06), reuniu parlamentares, secretários e outros representantes da sociedade
Debate sobre LOA movimenta plenário da Câmara de Mossoró

audiência pública, nesta quinta-feira (6), discutiu Orçamento de Mossoró de 2023 (foto: Edilberto Barros/CMM)

A Câmara Municipal de Mossoró promoveu debate sobre a Lei Orçamentária Anual (LOA) do Município para 2023, na manhã de hoje (6). No primeiro momento da audiência pública, o secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão, Frank Felisardo, apresentou síntese da proposta orçamentária, contida no Projeto de Lei do Executivo nº 21/2022.

Segundo ele, a Prefeitura mantém o propósito, iniciado em 2021, de ajustar o Orçamento à realidade fiscal do Município e evitar distorções dos últimos anos, quando havia discrepância entre o valor previsto na LOA e o total efetivamente executado. Daí, a estimativa de R$ 1 bilhão e 190 milhões para 2023, realista, baseada na execução orçamentária de 2022.

Em estudo comparativo, de 2017 a 2022, Felisardo mostrou que o Orçamento de Mossoró era subestimado. “Em 2018, por exemplo, a Prefeitura executou R$ 774 milhões, mas, para 2019, sem motivo plausível, enviou à Câmara um Orçamento de R$ 536 milhões, porém executou R$ 714 milhões naquele ano, 33% a mais. Queremos evitar isso”, explicou.

Emendas e prioridades

O secretário também destacou a reserva de R$ 12,4 milhões para emendas impositivas, sendo R$ 541 mil para cada vereador e vereadora. Informou que a reserva das emendas impositivas deve obedecer: 70% para saúde, educação, assistência social, 5% para enfrentamento à fome e desigualdade social e os 25% restantes para livre destinação pelos parlamentares.

Frank Felisardo enalteceu ainda a programação de investimento de 63% das receitas próprias na saúde, bem acima do mínimo constitucional, de 15%, e 36% para educação, acima do mínimo de 30% – 25% na Constituição Federal e mais 5% na Lei Municipal Niná Rebouças. “O norteador da LOA é o plano de governo da atual gestão”, frisou.

 

Audiência pública obtém participação satisfatória

 

No segundo momento da audiência pública sobre a LOA 2023, os vereadores e vereadoras fizeram questionamentos, críticas e elogios ao projeto. Participaram da reunião os vereadores Genilson Alves (Pros, presidente dos trabalhos), Marleide Cunha (PT), Tony Fernandes (Solidariedade), Raério Araújo (PSD), Paulo Igo (Solidariedade), Wignis do Gás (Podemos), Marckuty da Maisa (Solidariedade), Lucas das Malhas (MDB), Omar Nogueira (Patriota), Costinha (MDB), Pablo Aires (PSB), Larissa Rosado (PSDB) e Naldo Feitosa (PSC).

Como exemplo dos pronunciamentos, o vereador Francisco Carlos, líder da oposição, questionou, entre outros pontos, o que considera ampla margem de remanejamento e possibilidade de operação de crédito, sem necessidade de consentimento da Câmara Municipal. Mencionou a possibilidade de judicialização do Orçamento 2023, se não houver consenso através das vias política, administrativa ou legislativa.

Membro da bancada da situação, o vereador Costinha destacou a alta previsão de investimento em saúde e educação, o que, segundo ele, prestigia dois segmentos vitais do Município. Acrescentou que tal postura reafirma o compromisso da gestão municipal em melhorar áreas sensíveis de Mossoró, sem, no entanto, diminuir a importância de outras.

O terceiro momento da audiência pública foi dedicado à participação, com direito à voz, de representantes de entidades e lideranças comunitárias. Por fim, a palavra retornou ao secretário Franklin Felisardo, que respondeu aos questionamentos feitos no decorrer da reunião.

Também participaram da audiência pública os secretários Edmilson Júnior (Finanças), Washington Costa Filho (Controladoria-Geral), Franklin Filgueira (Desenvolvimento Econômico e Turismo), Evanice Queiroz Pinheiro (Desenvolvimento Social), Ivo Franklin (Fazenda), Alessandra Dantas (procuradora adjunta do Município); Ítalo Dantas (Pró-reitor ajunto da Uern), Anna Laura (representante da OAB Mossoró), Eliete Vieira (presidente do Sindiserpum), outros representantes de segmentos sociais, lideranças comunitárias, entre outros.

Cronograma

Realizada a audiência pública, a Câmara se concentra, com relação à análise da LOA, na apresentação de emendas ao projeto pelos (a) parlamentares, na Comissão de Orçamento, Finanças e Contabilidade (COFC). O prazo para isso segue até o próximo dia 18. Passada a fase das emendas (propostas de alteração no texto original), o projeto vai à votação no plenário. A previsão é que seja totalmente votado até o dia 6 de dezembro.

Vereador Omar Nogueira reafirma compromisso com população

por Amanda Santana Balbi publicado 05/10/2022 13h14, última modificação 05/10/2022 13h14
Vereador questionou alguns posicionamentos de vereadores
Vereador Omar Nogueira reafirma compromisso com população

Vereador Omar Nogueira. Foto: Edilberto Barros/CMM

O vereador Omar Nogueira (Patriota) reafirmou mais uma vez o compromisso em votar em projetos que favoreçam a população mais carente da cidade de Mossoró, durante pronunciamento na sessão ordinária de hoje, 05. O vereador questionou alguns posicionamentos dos vereadores de situação, que de acordo com ele, não votam a favor dos interesses do cidadão mossoroense.

 Omar listou projetos e solicitações que não receberam votos favoráveis como um Projeto de Lei do vereador Isaac da Casca, que tem como objetivo o combate à fome em Mossoró, um Projeto que tem como objetivo suspender o pagamento de taxa de iluminação pública para a população de baixa renda e uma solicitação feita pelo próprio Omar Nogueira, que questionou quantos carros alugados a Prefeitura de Mossoró possui. “O que vale é o voto e eu não vou votar contra o povo”, reafirmou o vereador.

Omar reclamou ainda da situação na zona rural de Mossoró como no Sítio Hipólito e na comunidade Paulo Freire. Na zona urbana, de acordo com o vereador, a Praça do Basquete está abandonada.

 

Câmara debate orçamento de Mossoró nesta quinta-feira

por Regy Carte publicado 05/10/2022 12h59, última modificação 05/10/2022 12h59
Audiência pública, às 10h, tem como tema projeto da Prefeitura para lei orçamentária de 2023
Câmara debate orçamento de Mossoró nesta quinta-feira

Plenário da Câmara será palco de discussão sobre a LOA, nesta quinta-feira, 6 (foto: Edilberto Barros/CMM)

O projeto da Lei Orçamentária Anual (LOA) para 2023 será tema de debate na Câmara Municipal de Mossoró, em audiência pública, amanhã (6), às 9h. Na oportunidade, a Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Gestão apresentará síntese do projeto do Executivo (21/2022). Outras secretárias municipais, como Fazenda e Controladoria-Geral, também participarão da audiência.

Parte do chamado tripé orçamentário, ao lado do Plano Plurianual (PPA) e da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), a LOA estima receitas e fixa despesas para o Município. Toda e qualquer ação da Prefeitura, para ser executada, precisa está prevista na Lei Orçamentária Anual. É ela quem estabelece quanto será investido em saúde e educação, por exemplo.

A audiência pública é mais uma etapa da análise do projeto da LOA na Câmara Municipal. A proposta foi lida em plenário no último dia 13 e remetida à Comissão de Orçamento, Finanças e Contabilidade (COFC). Lá, está à espera de emendas parlamentares (propostas de alteração ao texto original), que devem ser apresentadas até o próximo dia 18.

A expectativa é que a COFC se pronuncie sobre as emendas até 10 de novembro. Dia 16 de novembro, está prevista a primeira votação do projeto, o qual poderá ser votado, em segundo turno, em 29 de novembro e a leitura da redação final e envio ao Executivo para sanção, em 6 de dezembro. Esses prazos estão previstos em calendário oficial da Câmara.

Isaac da Casa e Gideon Ismaias reassumem mandatos na Câmara

por Regy Carte publicado 05/10/2022 12h47, última modificação 05/10/2022 12h47
Com isso, Marrom Lanches e Nicó Fernandes retornaram à suplência
Isaac da Casa e Gideon Ismaias reassumem mandatos na Câmara

Vereador Gideon Ismaias reassumiu mandato, hoje, 5 (foto: Edilberto Barros/CMM)

Licenciados nos últimos meses, os vereadores Isaac da Casa (MDB) e Gideon Ismaias (Cidadania) reassumiram os mandatos na Câmara Municipal de Mossoró, ontem e hoje (5), respectivamente. Com isso, Marrom Lanches (DC) e Nicó Fernandes (Cidadania), que ocuparam as vagas de ambos durante a licença, retornaram à suplência.

Isaac da Casa ficou afastado das funções legislativas por 80 dias. Já a licença de Gideon Ismaias durou 62 dias. Os dois foram candidatos na eleição de domingo (2) e optaram pelo afastamento dos mandatos, para dedicação exclusiva aos projetos eleitorais.

Candidato a deputado estadual, Isaac da Casa obteve 8.610 votos e Gideon conquistou 2.830 votos à Câmara dos Deputados. Não foram eleitos.

Passada a eleição, os dois asseguram prioridade total à atividade de vereador. "Vou continuar dando o meu melhor para que a população tenha serviço de qualidade”, assegura Isaac da Casca. “Estou de volta à Câmara para honrar o mandato confiado pelo povo em 2020”, diz Gideon.

Vereador Raério pede fiscalização em conjuntos habitacionais

por Regy Carte publicado 05/10/2022 12h38, última modificação 05/10/2022 12h38
Parlamentar chama atenção para casas nunca habitadas nos conjuntos Américo Simonetti e Odete Rosado
Vereador Raério pede fiscalização em conjuntos habitacionais

Vereador Raério, na sessão de hoje (5), chama atenção para conjuntos habitacionais (foto: Edilberto Barros/CMM)

O vereador Raério (PSD) cobrou de autoridades públicas federais fiscalização sobre ocupação de conjuntos habitacionais em Mossoró, em pronunciamento na Câmara Municipal, nesta quarta-feira (5). Segundo ele, há indícios de irregularidades na utilização de residências.

Raério chama atenção para casas nunca habitadas nos conjuntos Monsenhor Américo Simonetti (Abolição 5) e Odete Rosado, apesar de concluídas há anos. É no mínimo estranho, segundo ele, essas residências fechadas, apesar do alto déficit habitacional de Mossoró.

O parlamentar também diz ter recebido denúncias sobre venda e locação de imóveis nesses e outros conjuntos de interesse social em Mossoró, o que seria proibido. “Então, que isso seja fiscalizado, para que a finalidade dos programas habitacionais não seja desvirtuada”, cobra Raério.

Outros temas

No mesmo pronunciamento, o vereador cobrou destinação de mais emendas de deputados do PT para Mossoró e criticou a governadora Fátima Bezerra pelo que considera incapacidade do Governo do RN de ampliar o Hospital Tarcísio Maia, mesmo com dinheiro de emenda em conta.

Também pediu reforço na segurança pública de Mossoró e região, por meio de mais condição de trabalho às polícias Civil e Militar e ao Instituto Técnico-científico de Polícia (Itep).

Por fim, Raério negou estar faltando gases em Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e ressaltou resultados da gestão Allyson Bezerra, ao citar, como exemplo, asfaltamento de ruas dos bairros Abolições, realizando antigo sonho dos moradores, entre outras realizações.

Vereadora Marleide Cunha cobra execução de emendas impositivas

por Regy Carte publicado 05/10/2022 12h35, última modificação 05/10/2022 12h35
Parlamentar cita, como exemplo, recursos para saúde do Município
Vereadora Marleide Cunha cobra execução de emendas impositivas

Vereadora Marleide em pronunciamento na sessão desta quarta-feira, 5 (foto: Edilberto Barros/CMM)

Em pronunciamento na Câmara Municipal de Mossoró, nesta quarta-feira (5), a vereadora Maleide Cunha (PT) alertou para a proximidade do final do ano, mas sem execução da totalidade de emendas impositivas ao Orçamento Municipal de 2022. Ela cobrou da Prefeitura realização de ações determinadas pelas emendas, ao lembrar que são obrigatórias.

Como exemplo, a parlamentar citou emendas da sua autoria: destinação de R$ 123 mil para compra de câmaras de vacinas para sete Unidades Básicas de Saúde (UBSs), nos bairros Pintos, Vingt Rosado, Santo Antônio, Sumaré, Santa Delmira, Abolição 3 e Lagoa do Mato, e R$ 40 mil para aquisição de canetas de alta rotação para dentistas da rede pública.

Não há informação sobre a execução dessas emendas, segundo ela. “O que sabemos é a execução de duas emendas de nossa autoria: R$ 50 mil para sala multidisciplinar na Escola Municipal Geraldo Melo e R$ 100 mil para o Prêmio Fomento. Mas a Prefeitura não informa sobre as demais”, diz.

Marleide Cunha acrescenta ser preciso que a Prefeitura respeite o que é emenda impositiva. “Não adianta apresentarmos emenda, e o Executivo fazer o que quer com o Orçamento do Município. Como o próprio nome diz, se a emenda é impositiva, o chefe do Executivo tem que cumprir o que foi decidido pela Casa Legislativa”, cobrou.

Vereador Tony Fernandes comenta corrida eleitoral

por Amanda Santana Balbi publicado 05/10/2022 12h05, última modificação 05/10/2022 12h14
Vereador agradeceu votos recebidos
Vereador Tony Fernandes comenta corrida eleitoral

Vereador Tony Fernandes. Foto: Edilberto Barros/CMM

Por Vitória Job

O vereador Tony Fernandes (SD) destacou, em sua fala no primeiro expediente da 63° sessão ordinária,  a força da sua campanha eleitoral. Apesar de não ter sido eleito, o vereador recebeu cerca de 15.634 votos apenas na cidade de Mossoró, e em todo o estado, 19.405 votos.

“Saio de cabeça erguida com mais de 19 mil votos, de forma consciente, justa e honesta vou continuar o meu trabalho”, disse. Em seu pronunciamento, Tony reforça ainda a necessidade de defender pautas importantes como destinar espaços para as pessoas com deficiência, a causa animal, combate a violência doméstica e segurança pública. Pautas que são importantes não só para a cidade, mas para todo o RN.

Vereador Lawrence Amorim agradece votos recebidos na eleição de 2022

por Amanda Santana Balbi publicado 05/10/2022 11h57, última modificação 05/10/2022 11h57
Em Mossoró, Lawrence foi o mais votado para deputado federal
Vereador Lawrence Amorim agradece votos recebidos na eleição de 2022

Vereador Lawrence Amorim. Foto: Edilberto Barros/CMM

Na sessão ordinária de hoje, 05, o vereador e presidente da Câmara Lawrence Amorim (SD) agradeceu os votos recebidos na eleição para deputado federal deste ano. Lawrence agradeceu também a confiança do povo do Rio Grande do Norte e a dedicação dos vereadores, do prefeito Allyson Bezerra e pessoas que apoiaram ele durante a campanha eleitoral.

Para Lawrence, apesar de não conquistar uma vaga no Congresso Nacional, o resultado da eleição mostra a força de Mossoró. “Foram 57.598 votos em todo o Rio Grande do Norte. Em Mossoró, tivemos uma votação histórica com mais de 33 mil votos recebidos. Tivemos votação em praticamente todos os municípios do Rio Grande do Norte. Agradeço muito o voto de confiança de todos. Saímos fortalecidos dessa eleição”, afirmou Lawrence.

Lawrence finalizou destacando o trabalho na Câmara Municipal de Mossoró. “Vamos continuar nosso trabalho como vereador. Sempre de forma transparente e participativa e com a mesma responsabilidade de lutar por melhorias para o nosso povo”.

Vereador Costinha destaca melhorias no Ilha de Santa Luzia

por Amanda Santana Balbi publicado 05/10/2022 11h55, última modificação 05/10/2022 11h55
Vereador celebrou pleitos antigos que estão sendo atendidos
Vereador Costinha destaca melhorias no Ilha de Santa Luzia

Vereador Costinha. Foto: Edilberto Barros/CMM

O vereador Costinha (MDB) destacou o trabalho desenvolvido pela Prefeitura de Mossoró no bairro Ilha de Santa Luzia. O vereador ressaltou que nasceu e viveu a maior parte da sua vida no bairro e que as melhorias eram cobradas há muito tempo.

“Ficamos felizes em ver os serviços de drenagem e asfalto nas ruas. Inclusive na rua que recebe a festa do padroeiro do bairro, que agora está calçada”, disse Costinha.

TV Câmara

Costinha aproveitou o momento para destacar a ampliação do sinal da TV Câmara Mossoró, que em breve estará com transmissão aberta. “Em breve a população poderá acompanhar, em canal aberto, o que é debatido aqui no plenário. Muito importante para a Câmara Municipal e para a população de Mossoró. Uma conquista importante da atual gestão da Câmara com o presidente Lawrence Amorim”, disse.

 

Tribuna Popular: Aprovado em concurso do ITEP destaca importância de instituição

por Amanda Santana Balbi publicado 05/10/2022 11h53, última modificação 05/10/2022 11h53
Clélio Soares pediu apoio dos vereadores para fortalecimento do ITEP
Tribuna Popular: Aprovado em concurso do ITEP destaca importância de instituição

Farmacêutico Clélio Soares. Foto: Edilberto Barros/CMM

O farmacêutico Clélio Soares utilizou a Tribuna Popular de hoje, 05, para pedir apoio dos vereadores para a convocação dos aprovados no concurso do Instituto Técnico- Científico de Perícia do RN (ITEP/RN). Clélio informou que foi aprovado no concurso e convocado e que aguarda a convocação dos demais aprovados ao longo dos próximos anos para o fortalecimento da instituição.

O farmacêutico lembrou a importância do trabalho desenvolvido pelo ITEP e ressaltou a importância da ampliação para que os crimes sejam solucionados. “Precisamos buscar investimentos do Governo do Estado para que novas regionais sejam construídas. A partir de agora, o trabalho será mais eficiente com a entrada dos novos servidores. Mas é importante a sensibilização do Governo para a ampliação dos trabalhos. Assim poderemos solucionar mais crimes”, defendeu.

 

Câmara aprova novas regras para personal trainer em academias

por Regy Carte publicado 04/10/2022 13h00, última modificação 04/10/2022 13h02
Projeto, segundo vereador Francisco Carlos, visa proteger praticantes de exercícios e profissionais de educação física
Câmara aprova novas regras para personal trainer em academias

Vereador Professor Francisco Carlos na sessão de hoje, 4: autor do projeto (foto: Edilberto Barros/CMM)

O plenário da Câmara Municipal de Mossoró aprovou, hoje (4), em regime de urgência especial, alterações na Lei 3.802/2020, que concede aos profissionais de educação física que prestam serviços como personal trainer particulares acesso livre às academias de ginástica, clubes, hotéis e similares em Mossoró.

As mudanças estão contidas em Projeto de Lei (114/22) do vereador Professor Francisco Carlos (Avante) e são motivadas por decisão do Tribunal de Justiça do RN. Mês passado, a Corte suspendeu cautelarmente artigo da Lei 3.802/2020 e autorizou as academias à cobrança de taxa de personal trainer.

Conforme o projeto aprovado hoje na Câmara, os usuários de academias de ginástica, devidamente matriculados, podem ingressar nesses estabelecimentos acompanhados por profissionais particulares de educação física, devidamente registrados no Conselho Regional de Educação Física, portando cédula de identidade profissional.

“As academias de ginástica não poderão cobrar custos extras dos alunos acompanhados de profissionais de educação física particular para o desenvolvimento das atividades”, assegura a proposta.

Por outro lado, o projeto permite às academias de ginástica cobrança de taxa do profissional de educação física particular que preste serviços no interior de seu estabelecimento, acompanhando as atividades desenvolvidas por aluno devidamente matriculado.

Essa taxa, porém, “independe do número de alunos acompanhados pelo profissional de educação física particular, sendo limitada ao valor de 25% do valor de uma mensalidade referente ao pacote mais básico ofertado pela academia”.

O projeto, que segue à Prefeitura para veto ou sanção, também proíbe a cobrança de qualquer valor adicional para prestação de serviços por profissional de educação física particular no interior de academia, inclusive para fins de cadastramento.

Justificativa

Segundo o vereador Francisco Carlos, o projeto tem duas finalidades. Uma é proteger o consumidor de academias de ginástica que deseje realizar exercícios físicos acompanhados do profissional de sua escolha.

“Em que pese a existência de educadores físicos contratados por parte das academias, é impossível a contratação de profissionais para acompanhamento integral das atividades de todo e qualquer aluno”, observa o parlamentar.

A outra finalidade, segundo Francisco Carlos, é proteger a liberdade de exercício da profissão pelos educadores físicos. “Não há o estabelecimento de qualquer regra que trate de regras atinentes ao Direito do Trabalho. O que o projeto visa inibir é a cobrança, por parte das academias de ginástica, de taxas com valores exorbitantes, o que inviabiliza o exercício da profissão por parte dos profissionais de educação física”, argumenta.

Denominada ponte entre Alto de São Manoel e Planalto 13 de Maio

por Regy Carte publicado 04/10/2022 12h58, última modificação 04/10/2022 12h58
Homenagem é a Luiz Anastácio de Maria, conforme projeto do Executivo, aprovado hoje (4)
Denominada ponte entre Alto de São Manoel e Planalto 13 de Maio

Plenário da Câmara, na sessão desta terça-feira, 4: projeto aprovado (foto: Edilberto Barros/CMM)

A ponte que liga os bairros Alto de São Manoel e Planalto 13 de Maio se chamará Luiz Anastácio de Maria. Projeto de Lei com essa finalidade (32/22), de autoria da Prefeitura, foi aprovado no plenário da Câmara Municipal de Mossoró, hoje (4), em regime de urgência especial.

Luiz Anastácio de Maria, já falecido, era conhecido como Luiz da Bodega, comerciante na Avenida Presidente Dutra, bairro Ilha de Santa Luzia. Foi proprietário do Bar da Corrente, que, tempos depois, em razão de sua expansão, foi chamado de Mercadinho Esperança.

 “Não resta dúvida da importância dessa figura para o Município de Mossoró, não apenas como ícone do comércio e da cultura do povo potiguar, mas como efetivo cidadão que se voltou, com a força do seu trabalho, a cuidar dos seus sete filhos e desenvolver, por meio do seu legado, este município”, destaca a justificativa do projeto.

A ponte que receberá seu nome é de concreto armado e pretendido, com extensão de 50 metros; largura 10,50 metros no total, sendo 7 metros de via para veículos e dois para passagens para pedestres.

Projeto de vereadora Marleide Cunha cria Dia do Agente de Endemias

por Amanda Santana Balbi publicado 04/10/2022 12h09, última modificação 04/10/2022 12h09
Objetivo é valorização profissional da categoria
Projeto de vereadora Marleide Cunha cria Dia do Agente de Endemias

Vereadora Marleide Cunha. Foto: Edilberto Barros/CMM

A vereadora Marleide Cunha teve um Projeto de Lei aprovado durante a sessão ordinária de hoje, 04. O Projeto de número 241/2021, cria o Dia Municipal do Agente de Endemias e do Agente Comunitário de Saúde. A data escolhida foi o dia 04 de outubro de cada ano.

Em pronunciamento na Câmara, a vereadora destacou que o objetivo do Projeto é valorizar e reconhecer o trabalho desenvolvido por esses profissionais. “São pessoas que chegam em nossas casas e levam as demandas das famílias até a Unidade de Saúde. Desenvolvem um trabalho importante de orientação e prevenção às doenças”, destacou.

 O Projeto foi aprovado por unanimidade e agora segue para análise do Poder Executivo. Se for sancionado, o dia 04 de outubro será um feriado municipal para a categoria.

Vereador Genilson Alves comenta eleição e campanha eleitoral

por Amanda Santana Balbi publicado 04/10/2022 11h55, última modificação 04/10/2022 11h53
Vereador destacou força política de Mossoró
Vereador Genilson Alves comenta eleição e campanha eleitoral

Vereador Genilson Alves . (foto: Edilberto Barros-CMM)

O vereador Genilson Alves (PROS) destacou a força política que a cidade de Mossoró tem, elogiou o esforço dos candidatos de Mossoró que pleitearam vagas na Assembleia Legislativa do RN e no Congresso Nacional e lamentou que candidatos ao cargo de deputado federal não foram eleitos, durante a sessão desta terça-feira, 04, a primeira após a eleição.

  Genilson relembrou que Mossoró já teve dois deputados federais e quatro estaduais e que tem força para eleger mais representantes oriundos da cidade. “Infelizmente, nessa eleição só tivemos a deputada estadual Isolda eleita. Mas em outras ocasiões Mossoró já teve mais representantes no Congresso e Assembleia”, disse. O vereador também lembrou que os deputados federais possuem acesso a recursos importantes para as cidades, e que por isso é tão importante eleger representantes do interior.

O vereador destacou ainda que apesar do resultado final, a campanha foi vitoriosa com a expressiva votação que o candidato Lawrence Amorim (SD) recebeu na cidade. “E durante a campanha, percorremos as ruas, conversamos com a população e foi uma oportunidade de estar cada vez mais perto dos mossoroenses e entender como podemos trabalhar cada vez melhor para melhorar nossa cidade”, afirmou.

 Genilson finalizou parabenizando a postura dos vereadores e vereadoras de Mossoró que não utilizaram as sessões ordinárias para a campanha política. “Tivemos as sessões e houve respeito, maturidade, postura. Continuaram todos trabalhando em prol de Mossoró. Muito importante a responsabilidade”.

 

Vereador Isaac da Casca reassume mandato e faz balanço de campanha

por Regy Carte publicado 04/10/2022 11h50, última modificação 04/10/2022 12h52
Parlamentar fez avaliação positiva da sua campanha à Assembleia Legislativa, na qual ficou na 1ª suplência do MDB
Vereador Isaac da Casca reassume mandato e faz balanço de campanha

Vereador Isaac da Casca em ação na tribuna, hoje, 4 (foto: Edilberto Barros/CMM)

O vereador Isaac da Casca (MDB) reassumiu mandato na Câmara Municipal de Mossoró, nesta terça-feira (4), após licença de dois meses. Com isso, Marrom Lanches (DC) retorna à suplência. Em pronunciamento na tribuna, Isaac da Casca fez balanço positivo da sua campanha à Assembleia Legislativa, na qual ficou na 1ª suplência do MDB.

Ele agradeceu aos 8.618 eleitores e eleitoras que confiaram no seu nome para deputado estadual, dos quais 6.520 em Mossoró. “Fizemos campanha limpa, pé no chão, com apoio de amigos e amigas. Agradeço e retomo o que me foi confiado pelo povo, o mandato de vereador, como o mais votado de Mossoró em 2020, na primeira eleição que disputei”, disse.

Isaac da Casca ressaltou papel da mãe, Heliane Duarte, candidata a deputada federal, também pela primeira vez e com votação por ele considerada expressiva. “Disseram que minha mãe era candidata ‘laranja’. Como candidata ‘laranja’, se teve mais de 3.000 votos?”, questionou.

Ele ressaltou a conquista da primeira suplência de deputado estadual do MDB, que elegeu Adjuto Dias à Assembleia Legislativa na eleição de domingo (2). “Teve candidato que teve estrondo de voto, mas nem suplente ficou. E eu, com menos de 10.000 votos, sou 1º suplente”, observou.

O parlamentar disse estar completamente focado no mandato de vereador. Pediu mais atenção da Prefeitura para o município, ao reforçar seu perfil oposicionista. “Vou continuar dando o meu melhor para que a população tenha serviço de qualidade”, assegurou Isaac da Casca.

Vereador Lamarque Oliveira defende criação do Shopping do Artesanato em Mossoró

por Amanda Santana Balbi publicado 04/10/2022 11h50, última modificação 05/10/2022 13h35
Parlamentar sugere uso do antigo Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), no Centro
Vereador Lamarque Oliveira defende criação do Shopping do Artesanato em Mossoró

Vereador Lamarque Oliveira. (foto: Edilberto Barros/CMM)

Na sessão ordinária de terça-feira (4), o vereador Lamarque Oliveira (PSC) sugeriu a utilização do prédio que abrigou o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), próximo à praça Bento Praxedes (Praça do Codó), no centro de Mossoró, para instalação de Shopping do Artesanato. 

O vereador fez a proposta, em pronunciamento na tribuna do plenário. Lamarque observa que a estrutura, em área privilegiada, mas abandonada, poderia atender bem aos artesãos mossoroenses, que precisam de um espaço mais adequado para expor e comercializar os produtos. A proposta de uso do antigo CEO, segundo o vereador, é uma sugestão da própria categoria.

Atualmente, segundo Lamarque, um grupo de artesãos trabalha exposto ao sol, na Praça Bento Praxedes, em razão da falta de espaço adequado. O quiosque lá localizado é pequeno para comportar todos (a). A utilização do CEO, com a criação do Shopping do Artesanato, atenderia também outros trabalhadores do ramo. 

“Entramos com um pedido para que a Secretaria de Desenvolvimento Econômico realize um estudo de viabilidade para implantar em nossa cidade o Shopping do Artesanato, em um local que traga mais dignidade aos artesões e artesãs”, explicou Lamarque, que agora aguarda a posição da Prefeitura de Mossoró sobre o pleito. “Também iremos atrás dos eleitos para conseguirmos recursos para o Shopping do Artesanato”, reforçou.

Vereador Lucas das Malhas defende vacinação de crianças

por Regy Carte publicado 04/10/2022 11h10, última modificação 04/10/2022 12h53
Ele alerta, sobretudo, para a vacinação contra a poliomielite (paralisia infantil)
Vereador Lucas das Malhas defende vacinação de crianças

Vereador Lucas das Malhas na sessão de hoje, 4 (foto: Edilberto Barros/CMM)

O vereador Lucas das Malhas (MDB) conclamou pais e mães à vacinação dos filhos, em pronunciamento na Câmara Municipal de Mossoró, nesta terça-feira (4). Segundo ele, dados da Secretaria Municipal de Saúde indicam número expressivo de crianças sem cobertura vacinal.

Ele alerta, sobretudo, para a vacinação contra a poliomielite (paralisia infantil). “Muitas crianças estão com pendência na vacinação. Portanto, conclamo os pais e mães, os quais ainda não vacinaram seus filhos, que procurem a Unidade Básica de Saúde mais próxima”, disse.

Lucas das Malhas ressaltou importância de se completar o ciclo de vacinação das crianças tanto para a saúde pública quanto para o futuro dos adultos de amanhã. “Vacinação é fundamental para prevenção e redução de danos provocados por diversas doenças”, frisa o vereador.

Esporte

Ainda na tribuna, entre outros temas, o parlamentar pediu apoio para transporte de atletas de escolas públicas de Mossoró, a fim de participar de etapa de jogos escolares em Natal. Esse suporte, segundo ele, é fundamental para o estímulo do esporte na juventude.

Vereador Nicó Fernandes se despede de mandato: ‘Gratidão’

por Regy Carte publicado 04/10/2022 11h05, última modificação 04/10/2022 12h54
Amanhã, vereador Gideon Ismaias reassumirá vaga na Câmara
Vereador Nicó Fernandes se despede de mandato: ‘Gratidão’

Vereador Nicó Fernandes em discurso na sessão de hoje, 4 (foto: Edilberto Barros/CMM)

O vereador Nicó Fernandes (Cidadania), suplente no exercício do mandato, fez pronunciamento de despedida na Câmara Municipal de Mossoró, nesta terça-feira (4). Amanhã, o titular do mandato, Gideon Ismaias (Cidadania), reassumirá vaga no Legislativo, após licença de dois meses para tratamento de assuntos particulares.

Na tribuna do plenário, Nicó expressou gratidão a Deus por mais uma oportunidade de representar o povo no Legislativo Municipal, pela segunda vez, na atual legislatura. Também agradeceu ao apoio de vereadores e vereadoras e aos servidores e servidoras da Câmara Municipal.

“Para mim, é motivo de muita honra de novo representar o povo de Mossoró no Parlamento”, disse. Segundo ele, sua atuação política seguirá em frente. “Vamos continuar nosso trabalho nos bairros e na zona rural. Sou político de plantão, independentemente de mandato”, assegurou.

Em apartes, diversos vereadores e vereadoras parabenizaram Nicó. Elogiaram sua postura no exercício do mandato, enalteceram a trajetória política do suplente e seu compromisso com as causas do município. Desejaram sucesso e se colocaram à disposição dele.

Por fim, Nicó Fernandes parabenizou os vereadores e as vereadoras candidatos e candidatas pela coragem de colocar o nome à disposição do povo no pleito de domingo (2), e pediu bom senso aos eleitores (a) para uma boa escolha no segundo turno na eleição presidencial.

Ações do documento