Notícias

por Interlegis — publicado 11/02/2021 15h16, última modificação 23/02/2021 16h13
Banco de notícias desta Casa Legislativa.

Vereador Raério destaca bom desempenho de Mossoró em avaliação sobre Gestão e Finanças

por Amanda Santana Balbi publicado 16/08/2022 12h09, última modificação 16/08/2022 12h09
Avaliação é realizada pelo Ministério da Economia
Vereador Raério destaca bom desempenho de Mossoró em avaliação sobre Gestão e Finanças

Vereador Raério Araújo. Foto: Edilberto Barros

 Na sessão ordinária de hoje, 16, o vereador Raério Araújo (PSD) parabenizou a Prefeitura de Mossoró pela nota máxima recebida pelo Ministério da Economia na avaliação sobre gestão e finanças. A avaliação foi divulgada ontem pela Prefeitura.

A  Capacidade de Pagamento (Capag 2022) analisou todos os municípios do Brasil. E entre todos os municípios potiguares, Mossoró ficou em primeiro lugar, com nota A. De acordo com Raério, Mossoró nunca havia obtido um resultado tão bom. “Mossoró pode receber recursos e financiamentos de todos os lugares agora. Está apta. Parabenizo o prefeito Allyson por fazer uma gestão com responsabilidade e elevar nossa cidade a um patamar nunca antes alcançado”, disse.

 O vereador destacou ainda o trabalho da Prefeitura de Mossoró que, de acordo com Raério, está realizando obras em toda Mossoró. “E adianto que logo todas as salas de aula de todas as escolas municipais de Mossoró receberão ar condicionado. Também vão receber eletrodomésticos com o fogões e televisões”, comemorou.

.

Vereador Nicó Fernandes ressalta Festa do Bode e pede melhorias ao bairro Van Rosado

por Amanda Santana Balbi publicado 16/08/2022 11h56, última modificação 16/08/2022 11h56
Vereador utilizou a Tribuna nesta terça-feira
Vereador Nicó Fernandes ressalta Festa do Bode e pede melhorias ao bairro Van Rosado

Vereador Nicó Fernandes. Foto: Edilberto Barros/CMM

O vereador Nicó Fernandes (Cidadania) parabenizou a organização da 22ª Festa do Bode, durante a sessão ordinária de hoje, 16. O evento foi realizado no último final de semana.

Nicó destacou o trabalho da Secretaria de Agricultura e do prefeito Allyson Bezerra pelo evento. “Muito importante para a nossa zona rural. São 137 comunidades rurais e sabemos como um evento como a Festa do Bode beneficia os criadores de nossa cidade”, afirmou.

Como sugestão de melhorias para as futuras edições, o vereador ressaltou a melhoria no estacionamento. “Não é uma crítica, é uma sugestão. O estacionamento precisa ser revisto para as próximas edições. Foi um evento que atraiu muita gente, de muito sucesso”, disse.

Van Rosado

Nicó ressaltou ainda a pavimentação que está sendo realizada no bairro Van Rosado. “Uma pavimentação que vai beneficiar, principalmente, as vias onde o transporte público passa. E isso é muito importante”, disse.

Também no Van Rosado, o vereador falou sobre constantes problemas enfrentados por causa de vazamentos de água. “Solicito à CAERN que reveja essa situação. Às vezes, um vazamento é consertado em um dia e no outro o cano estoura novamente”, afirmou. O vereador finalizou solicitando maior estrutura para o Van Rosado e também para os bairros vizinhos.

 

Vereador Tony Fernandes fala sobre solicitações à Prefeitura de Mossoró

por Estela Vieira publicado 16/08/2022 11h28, última modificação 16/08/2022 11h28
O parlamentar também pede mais atenção ao conjunto Resistência
Vereador Tony Fernandes fala sobre solicitações à Prefeitura de Mossoró

Vereador Tony Fernandes na 49ª Sessão Ordinária. Foto: Edilberto Barros/CMM

Durante a Sessão Ordinária desta terça-feira, 16, o vereador Tony Fernandes (SOLIDARIEDADE) usou seu pronunciamento para pedir que a Prefeitura de Mossoró receba o Sindicato da Saúde, falar sobre a Lei Federal nº 13.935/2022, e pedir que o Poder Público dê mais atenção ao conjunto Resistência.

Em um primeiro momento, o parlamentar solicitou que a Prefeitura Municipal de Mossoró receba, o quanto antes, o Sindicato da Saúde, para tratarem da implantação do piso salarial dessa categoria. O vereador pontuou a importância desses profissionais para a sociedade, e da luta da categoria durante a pandemia de Covid-19.

O parlamentar também discutiu sobre uma notificação feita à Secretaria de Educação para cumprimento da Lei Federal nº 13.935/2019, considerada por ele de extrema importância, e que obriga o estado e o município a compreenderem a importância dos psicólogos e assistentes sociais na escola pública, inserindo estes profissionais no dia-a-dia dos estudantes.

Por fim, o edil falou sobre uma reunião feita com os moradores do conjunto Resistência. Os cidadãos reclamaram de diversas falhas do Poder Público, tais como a falta de coleta de lixo, ausência de linhas de transporte público, o tamanho da UBS da região, que é muito pequena para a demanda da sociedade, a falta de  pavimentação e falta de água, por exemplo.

“Pedimos a atenção do Poder Público de forma geral, pois não podemos abandonar aquela localidade”, conclui.

Vereador Paulo Igo cobra mais atenção a bairros de Mossoró

por Estela Vieira publicado 16/08/2022 11h05, última modificação 16/08/2022 11h05
O parlamentar ainda retomou uma discussão levantada pelo vereador Pablo Aires
Vereador Paulo Igo cobra mais atenção a bairros de Mossoró

Vereador Paulo Igo na Sessão Ordinária desta terça-feira, 16. Foto: Edilberto Barros/CMM

Durante a Sessão Ordinária desta terça-feira, 16, o vereador Paulo Igo (SOLIDARIEDADE) usou seu pronunciamento para falar sobre alguns bairros de Mossoró e suas necessidades. O parlamentar também retomou o caso da quadra da Maísa, trazido pelo vereador Pablo Aires (PSB) na última quarta-feira, 10. 

A princípio, o vereador falou sobre a infraestrutura do bairro Paredões, e disse que os moradores cobram asfalto nas ruas. Paulo Igo pediu ao Executivo que olhasse com bons olhos para o bairro, pois a população está sofrendo com os buracos e as complicações trazidas por eles, como acidentes. O vereador também pediu atenção para o bairro Alto das Brisas, que sequer tem calçamento, e as ruas estão cobertas por matos. O apelo é para que a necessidade do povo seja atendida.

Seguindo seu pronunciamento, o edil falou sobre a UBS José Fernandes de Melo, localizada no bairro Lagoa do Mato, que apesar de estar com medicamentos em estoque para a população, precisa urgentemente de uma reforma.

Além do que já foi dito, o parlamentar retomou a discussão trazida pelo vereador Pablo Aires na Sessão Ordinária da quarta-feira, 10. A quadra da Maísa, obra já concluída e devolvida à população, conta com 5 aditivos, sendo 2 deles feitos depois que a quadra foi inaugurada. O parlamentar diz que esteve no local recentemente, e que ele encontra-se em perfeitas condições. 

“Não podemos aceitar isso, é dinheiro público sendo gasto de forma errada”, aponta.

Por fim, o parlamentar falou sobre a situação de uma escola no Riacho Grande, que receberá mais uma obra. No dia 09 de Agosto fará 1 ano da solicitação feita pelo parlamentar para a reforma. O questionamento do vereador é sobre a situação dos alunos ao longo da obra, e pede para que os alunos sejam transferidos para uma unidade de ensino localizada no Rancho da Caça.

Vereador Costinha apresenta Projeto de Lei voltado para a saúde mental

por Estela Vieira publicado 16/08/2022 11h01, última modificação 16/08/2022 11h01
O PL também foi tema da Tribuna Popular desta terça-feira
Vereador Costinha apresenta Projeto de Lei voltado para a saúde mental

Vereador Costinha apresenta PL voltado à causa da saúde mental. Foto: Edilberto Barros/CMM

O vereador Costinha (MDB) usou o pequeno expediente da Sessão Ordinária desta terça-feira, 16, para apresentar o Projeto de Lei nº 53/2022, que está em tramitação e institui a Semana Municipal de Sensibilização e Conscientização da Saúde Mental infanto-juvenil. O PL foi comentado, também, na Tribuna Popular de hoje, pela psicopedagoga Iadja Linhares. O Projeto de Lei deve ser votado em regime de urgência nas próximas sessões da Câmara.

O Projeto determina que esse momento de conscientização deve ocorrer, anualmente, entre 21 e 29 de setembro, a última semana do mês cujo a bandeira levantada reflete sobre prevenir o suicídio e sensibilizar a população acerca dos transtornos mentais. O principal objetivo do PL é dar mais atenção às crianças e adolescentes e orientar a respeito do diagnóstico e das formas adequadas de tratamento.

“O Projeto visa buscar, de maneira mais eficiente, métodos para melhor atender a toda a comunidade”, pontua o texto de justificativa do PL apresentado pelo parlamentar.

Psicopedagoga vai à Tribuna Popular para falar sobre saúde mental

por Estela Vieira publicado 16/08/2022 10h42, última modificação 16/08/2022 10h42
Iadja Linhares usou seu discurso para ressaltar a importância de se falar sobre a saúde mental de crianças e adolescentes
Psicopedagoga vai à Tribuna Popular para falar sobre saúde mental

Psicopedagoga Iadja Linhares na Tribuna Popular. Foto: Edilberto Barros/CMM

A psicopedagoga Iadja Linhares usou a Tribuna Popular da Sessão Ordinária desta terça-feira, 16, para falar sobre saúde mental em crianças e adolescentes. A profissional embasa seu discurso no Projeto de Lei nº 53/2022, que institui a Semana Municipal de Sensibilização e Conscientização da Saúde Mental infanto-juvenil, de autoria do vereador Costinha (MDB).

Iadja conta que foi convidada pela equipe do parlamentar para discutir sobre saúde mental em crianças e adolescentes, e pontua que hoje, em vários países, a segunda maior causa de morte entre jovens é o suicídio, causado, por sua vez, pela depressão. A psicopedagoga diz que durante a discussão, surgiu a ideia de uma semana municipal de sensibilização e conscientização de saúde mental infantojuvenil em Mossoró, marcada para iniciar a partir de setembro de 2022, durante a campanha do Setembro Amarelo. 

De acordo com Iadja, a intenção do PL é trazer a perspectiva deste mês para crianças e adolescentes. O Setembro Amarelo tem seus esforços voltados para conscientizar as pessoas sobre saúde mental. De acordo com ela, o principal objetivo da semana é sensibilizar e conscientizar as pessoas, levando informação de qualidade para as famílias e as escolas.

“Quando tratamos as crianças e os adolescentes, caminhamos para que os adultos sejam mais saudáveis e funcionais”, conclui.


Projeto de Lei torna obrigatória a instalação de banheiros públicos adaptados

por Estela Vieira publicado 15/08/2022 10h47, última modificação 15/08/2022 10h47
O PL é de autoria da vereadora Carmem Júlia
Projeto de Lei torna obrigatória a instalação de banheiros públicos adaptados

Vereadora Carmem Júlia. Foto: Edilberto Barros/CMM

O Projeto de Lei nº 178/2022, de autoria da vereadora Carmem Júlia (MDB), foi sancionado pelo Executivo Municipal e já está em vigor na cidade de Mossoró. O PL dispõe sobre a colocação de banheiros químicos adaptados às necessidades de pessoas com deficiência nos eventos, públicos e privados, realizados no município de Mossoró. 

De acordo com o PL, a quantidade de banheiros químicos adaptados deve equivaler a 5% do total de instalações disponíveis no evento, e o descumprimento da lei deve acarretar em multa de R$ 3.000,00 (três mil reais). O uso do banheiro deve ser exclusivo da pessoa com deficiência, exceto no caso de acompanhante que a estiver assistindo.

“É sabido que eventos que mobilizam grande público, seja artístico, cultural ou esportivo, a despeito de toda organização, ainda não oferecem atendimento ao deficiente, notadamente quanto à estrutura sanitária, e não é difícil imaginar as dificuldades e constrangimentos enfrentados por estas pessoas. Não há dúvidas que a inexistência de banheiros químicos adaptados em eventos causa às pessoas com mobilidade reduzida enorme transtorno e desconforto. Por isso a importância da presente proposição, uma vez que a instalação desses banheiros adaptados, para as pessoas com deficiência e mobilidade reduzida, possibilitam a sua utilização de forma adequada e independente”, conclui o texto de justificativa do Projeto.

Cobranças da causa animal levam município a adotar políticas públicas de castração

por Estela Vieira publicado 12/08/2022 11h35, última modificação 12/08/2022 11h35
Procedimentos devem ser iniciados na próxima semana
Cobranças da causa animal levam município a adotar políticas públicas de castração

Protetores da causa animal de Mossoró. Foto: Gab. vereador Pablo Aires

Por: Gab. Vereador Pablo Aires


Após diversas cobranças feitas pelo vereador e protetor Pablo Aires, representante da Causa Animal na Câmara Municipal de Mossoró e mobilização de ONGs e Protetores nas redes sociais, a Secretária de Saúde firma convênio com Clínica Veterinária e inicia cadastro para castração de cães e gatos.

Os procedimentos devem ser iniciados na próxima semana e podem cadastrar ONGs, protetores independentes e tutores de animais que preencherem todo o cadastrado na plataforma Mossoró Digital, que pode ser acessada pelo site da Prefeitura de Mossoró (prefeiturademossoro.com.br).

Para Pablo essa é uma primeira vitória das ONGs e dos protetores independentes que há anos fazem um trabalho voluntário sem nenhuma assistência do poder público. "Estamos felizes porque demos um passo, mas ainda temos muito a avançar, como a aquisição e funcionamento do castramóvel para levar o serviço até os tutores de baixa renda da Zona Rural e periferia”, afirma Pablo.

Para relembrar, Mossoró já recebeu R$425.000,00 em emendas federais e estaduais que estão paradas nos cofres da Prefeitura para implantação do castramóvel.

Lei nomeia rua que dá acesso ao Condomínio Quintas do Lago

por Estela Vieira publicado 12/08/2022 11h17, última modificação 12/08/2022 11h17
O nome do trecho homenageia o Sr. Pedro Frederico Sobrinho
Lei nomeia rua que dá acesso ao Condomínio Quintas do Lago

Plenário da Câmara Municipal de Mossoró. Foto: Edilberto Barros/CMM

O Projeto de Lei nº 11/2022, de autoria do vereador Lawrence Amorim (Solidariedade), dispõe sobre a denominação da rua que dá acesso ao condomínio Quintas do Lago, bairro Bela Vista, que passa a ser denominada de Rua Pedro Frederico Sobrinho. O PL já foi sancionado e está em vigor.

O objetivo da Lei é homenagear o Sr. Pedro Frederico Sobrinho, dono da empresa Agrofértil, localizada em Mossoró. Pedro Frederico faleceu em abril de 2021, vítima de Covid-19, e era morador do condomínio ao qual a rua dá acesso.

“Pedro Frederico Sobrinho, sempre a frente de seu tempo, nunca se deixou desanimar pelas adversidades da vida, sempre enfrentou as batalhas com garra, deixando um legado belíssimo de ensinamento, amor, caridade e humildade. Foi acometido pelo Covid-19 em 17/03/2021, internado no Hospital Wilson Rosado dia 21/03/2021, onde ficou até o dia 06/04/2021 após perder a luta para esse famigerado vírus”, explica a justificativa do Projeto.

 

 

Projeto busca instituir o Dia Municipal da Fibromialgia em Mossoró

por Estela Vieira publicado 11/08/2022 11h37, última modificação 11/08/2022 11h37
Além da data, o PL também determina que os pacientes acometidos pela doença devem receber atendimento preferencial
Projeto busca instituir o Dia Municipal da Fibromialgia em Mossoró

Vereador Lamarque Oliveira. (foto: Edilberto Barros/CMM)

Está em tramitação o Projeto de Lei Ordinária nº 93/2022, de autoria do vereador Lamarque Oliveira (PSC). O PL busca instituir no município de Mossoró o Dia Municipal da Fibromialgia, além de filas e estacionamentos preferenciais aos portadores da doença. De acordo com o texto de justificativa do Projeto de Lei, a fibromialgia é uma enfermidade multifatorial, de causa ainda desconhecida pela medicina.

O Dia Municipal da Fibromialgia deve ser o dia 12 de maio. No Art. 3º do Projeto, o Poder Executivo Municipal deve promover nesta data, por meio de suas secretarias, ações de conscientização e educação acerca da doença. Em relação às vagas de estacionamento, a identificação dos beneficiários se dará por meio do cartão expedido pelo executivo municipal, com comprovação médica.

Dessa forma se faz necessária a criação do Dia da Fibromialgia no intuito de esclarecer a população quanto a doença, sintomas e tratamentos bem como dispensar atendimento prioritário a fim de minimizar o sofrimento desses pacientes”, conclui o texto de justificativa do PL.

Projeto de Lei busca estabelecer o programa Banco de Rações

por Estela Vieira publicado 11/08/2022 10h18, última modificação 11/08/2022 10h18
O projeto é de autoria do vereador Pablo Aires, e ainda está em tramitação
Projeto de Lei busca estabelecer o programa Banco de Rações

Vereador Pablo Aires. Foto: Edilberto Barros/CMM

O Projeto de Lei Ordinária do Legislativo nº 72/2022, de autoria do vereador Pablo Aires (PSB), visa estabelecer o programa Banco de Rações do município de Mossoró. O PL, se aprovado, deve garantir que as ONGs da causa animal e os protetores independentes possam alimentar, com auxílio do Poder Público, os animais resgatados.

No parágrafo único do Art. 1º, fica definido que  caberá ao Município de Mossoró, por meio de seus órgãos ou entidades competentes, organizar e estruturar o Programa Banco de Ração, fornecendo o apoio administrativo, técnico, financeiro e operacional, determinando os critérios de recebimento, de distribuição, da fiscalização a ser exercida, bem como o cadastramento e o acompanhamento das entidades e/ou famílias beneficiárias. Também é definido no PL que os alimentos adquiridos não podem ser comercializados.

“Há em Mossoró um grande problema relacionado ao abandono e à proliferação de animais nas ruas e espaços públicos, o que acarreta no resgate por muitos deles por organizações da sociedade civil, organizações não governamentais e protetores independentes, que arcam com os custos até a adoção definitiva dos bichos. Portanto, é necessário que se tenha garantido a distribuição de ração a estas organizações e aos protetores independentes, para que estes não se sintam desamparados pelo Poder Público neste momento tão crítico”, conclui o texto de justificativa do PL.

Câmara aprova Projeto de Lei que facilita proteção a mulheres vítimas de violência

por Amanda Santana Balbi publicado 10/08/2022 14h05, última modificação 10/08/2022 14h08
Projeto de Lei é de autoria da vereadora Carmem Júlia
Câmara aprova Projeto de Lei que facilita proteção a mulheres vítimas de violência

Vereadora Carmem Júlia. Foto: Edilberto Barros/CMM

A Câmara Municipal de Mossoró aprovou, na sessão ordinária de hoje, 10 de agosto, um Projeto de Lei de autoria da vereadora Carmem Júlia (MDB) que tem como objetivo auxiliar mulheres vítimas de violência a pedir ajuda quando se sentirem ameaçadas em estabelecimentos comerciais.

Pelo Projeto, bares, restaurantes e casas noturnas situadas na cidade de Mossoró devem oferecer ajuda caso uma mulher demonstre que está se sentindo em situação de risco quando dentro dos estabelecimentos. O auxílio à mulher será prestado oferecendo companhia para que esta chegue com segurança ao próprio veículo ou outro tipo de transporte, e ainda, acionando a polícia quando necessário.

Cartazes com a informação de que o estabelecimento poderá oferecer este auxílio devem ser afixadas em locais como banheiros femininos ou qualquer outro local visível. Os funcionários devem receber treinamento para poder agir quando acionados pelas mulheres.

Carmem Júlia explica que a iniciativa do Projeto se deu por causa dos crescentes casos de feminicídio e violência contra mulheres em Mossoró e no mundo. “É mais uma ferramenta para auxiliar mulheres em situação de risco”, destacou.

O Projeto de Lei nº 61/2021 agora segue para a redação do texto final na Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Câmara Municipal de Mossoró, e posteriormente seguirá para votação final no plenário da Câmara.

 

Programa Adote uma Escola é aprovado na Câmara

por Amanda Santana Balbi publicado 10/08/2022 14h05, última modificação 11/08/2022 12h59
Texto segue agora para redação final na CCJR
Programa Adote uma Escola é aprovado na Câmara

Vereador professor Francisco Carlos. Foto: Edilberto Barros/CMM

Proposto pelo vereador professor Francisco Carlos (Avante), o Projeto de Lei que cria o Programa Adote uma Escola foi aprovado na sessão de hoje, na Câmara Municipal de Mossoró. A ideia é incentivar pessoas físicas e jurídicas a contribuírem com a conservação e manutenção das Escolas Municipais e Unidades de Ensino Infantil.

Pelo Projeto de Lei nº 174/2020, a participação das pessoas e instituições no programa se dará com doação de equipamentos e materiais, realização de obras de reforma e ampliação das Escolas e UEIs, conservação e manutenção da Escola ou UEI adotada.

Para a consecução dos objetivos do Programa Adote uma Escola, o Executivo Municipal poderá firmar termos de cooperação com as pessoas físicas ou jurídicas legalmente constituídas interessadas em adotar uma unidade de ensino.

Para Francisco Carlos, o Programa dará a oportunidade de um maior envolvimento da sociedade nas escolas e isto, consequentemente, trará uma valorização dos espaços escolares.  Agora, o Projeto segue para a elaboração do texto final na Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Câmara.

Vereador Raério defende Hospital Dr. Milton Marques e ressalta Mossoró Cidade Junina

por Amanda Santana Balbi publicado 10/08/2022 11h52, última modificação 10/08/2022 11h52
Vereador lembrou situação do antigo hospital psiquiátrico do município
Vereador Raério defende Hospital Dr. Milton Marques e ressalta Mossoró Cidade Junina

Vereador Raério Araújo. Foto: Edilberto Barros/CMM

Na sessão ordinária de hoje, 10, o vereador Raério Araújo (PDS) rebateu as acusações de que o Hospital Psiquiátrico Dr. Milton Marques, inaugurado em 2021, pela Prefeitura de Mossoró, não tem estrutura necessária pra receber pacientes.

O vereador lembrou que o antigo hospital psiquiátrico (São Camilo) não tinha estrutura para receber pacientes e que o atual hospital reformado e entregue pela gestão de Allyson Bezerra (SD) representa uma evolução no tratamento de pacientes psiquiátricos. “Antigamente nem os ratos queriam ficar no hospital psiquiátrico de Mossoró, era uma vergonha a sujeira, o descaso. Hoje, temos uma estrutura nova, pronta pra receber os pacientes com dignidade. E lembrando que Mossoró recebe pacientes de Mossoró e também das cidades vizinhas”, afirmou.

Raério afirmou ainda que entende que ainda há muito a ser feito na cidade, mas destacou que várias obras foram realizadas em um curto espaço de tempo da atual gestão. “A antiga gestão ficou anos na administração da cidade e tem coragem de dizer que a atual gestão não está fazendo nada. Em menos de dois anos, o tanto que já foi feito pela cidade nunca foi visto antes”, garantiu.

Cidade Junina

Na sessão, Raério comemorou os bons números divulgados por uma pesquisa realizada pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte  e a CDL durante o Mossoró Cidade Junina. De acordo com o parlamentar, a cada um real investido na festa pela Prefeitura, R$ 11,40 retornaram pro comerciante, setor hoteleiros, barraqueiros e demais profissionais envolvidos no evento.

“A aprovação da população foi de 94%. Aprovaram a segurança, a organização. Víamos a felicidade no rosto do povo. O Mossoró Cidade Junina foi um evento muito bem organizado e em 2023 promete ser ainda melhor”, finalizou Raério.

Vereador Omar Nogueira afirma que terceirizados são obrigados a participar de eventos de pré-campanha

por Amanda Santana Balbi publicado 10/08/2022 11h49, última modificação 10/08/2022 11h49
Vereador também afirmou que funcionários não receberam por horas extras no MCJ
 Vereador Omar Nogueira afirma que terceirizados são obrigados a participar de eventos de pré-campanha

Vereador Omar Nogueira. Foto: Edilberto Barros/CMM

O vereador Omar Nogueira (Patriota) denunciou, durante a sessão ordinária de hoje, 10,  que funcionários terceirizados são obrigados a acompanhar as atividades de pré-campanha realizadas pelo prefeito Allyson Bezerra (SD). De acordo com o vereador, após o expediente os funcionários precisam comparecer aos eventos realizados pelos pré-candidatos apoiados pelo prefeito, nos bairros da cidade.

 O vereador afirmou ainda que funcionários terceirizados fizeram hora extra durante o Mossoró Cidade Junina e ainda não receberam o pagamento. “E se reclamar vai pra rua”, afirmou Omar, explicando que os funcionários não podem exigir os direitos trabalhistas por risco de perder o emprego.

Omar Nogueira também declarou que os terceirizados são enviados para a limpeza dos bairros onde as atividades políticas ocorrem. “O prefeito de Mossoró manda limpar a rua, faz maquiagem pra dizer que vem trabalhando ali. Atrás de voto”. De acordo com o  vereador, as denuncias partem de empregados das empresas terceirizadas, que não podem fazer a denuncia pessoalmente por medo de retaliação e procuram o parlamentar para que seja o porta voz do povo.

Vereador Nicó Fernandes fala sobre a satisfação de voltar à Câmara

por Estela Vieira publicado 10/08/2022 11h26, última modificação 10/08/2022 11h26
O parlamentar assumiu a cadeira após licença do vereador Gideon Ismaias
Vereador Nicó Fernandes fala sobre a satisfação de voltar à Câmara

Vereador Nicó Fernandes fala sobre a satisfação de ocupar novamente a cadeira no legislativo municipal (Foto: Edilberto Barros/CMM)

O vereador Nicó Fernandes (CIDADANIA) usou o pequeno expediente da Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Mossoró desta quarta-feira, 10, para falar sobre a satisfação de estar de volta como vereador da casa.

O parlamentar se declara um político de plantão, ou seja, afirma que estava trabalhando mesmo quando não estava exercendo mandato no legislativo. O vereador Agradece e saúda a todos os presentes na Câmara, e toda a população mossoroense. O edil aproveitou para agradecer ao vereador Gideon Ismaias (CIDADANIA) pela confiança. 

“Eu vim aqui tratar do que o povo me confiou, daquilo que é importante para nossa cidade”, afirmou, se comprometendo a trabalhar com o fim de contribuir com Mossoró.

Vereador Pablo Aires denuncia aditivos de obras já concluídas em Mossoró

por Estela Vieira publicado 10/08/2022 11h24, última modificação 10/08/2022 11h24
O Vereador cita o exemplo das obras da Avenida Rio Branco, em paralelo com nova ocorrência do caso na Maísa
Vereador Pablo Aires denuncia aditivos de obras já concluídas em Mossoró

Vereador Pablo Aires em pronunciamento na Câmara de Mossoró, nesta quarta-feira, 10 (foto: Edilberto Barros/CMM)

O vereador Pablo Aires (PSB) usou seu expediente na Sessão Ordinária desta quarta-feira, 10, para denunciar um contrato da Prefeitura Municipal de Mossoró. O documento se refere à reforma da quadra da Escola Municipal Maurício de Oliveira, localizada na comunidade da Maísa.

De acordo com o vereador, o contrato já teve 05 aditivos. Pablo afirma que a quadra foi entregue em janeiro deste ano, e em abril, três meses após a entrega da obra, foi feito um aditivo de 103 mil reais, afirmando que a reforma deve ser entregue somente em setembro.

“Em Mossoró, estão sendo feitos aditivos em obras que já foram feitas e entregues à população”, afirma o parlamentar, fazendo um paralelo com o caso das obras da Avenida Rio Branco, que apesar de declaradas prontas e entregues à população, ainda receberam aditivos. O vereador declara que após a sessão, irá à comunidade para verificar o que está, de fato, acontecendo.

Vereadora Carmem Júlia fala sobre o Agosto Lilás e a Liga do Câncer durante Sessão

por Estela Vieira publicado 10/08/2022 11h14, última modificação 10/08/2022 11h14
A parlamentar fez um apelo para que o executivo pague o Plus da Liga
Vereadora Carmem Júlia fala sobre o Agosto Lilás e a Liga do Câncer durante Sessão

Vereadora Carmem Júlia faz apelo à Prefeitura Municipal de Mossoró em nome da Liga do Câncer (Foto: Edilberto Barros/CMM)

Durante a 48ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal, realizada nesta quarta-feira, 10, a vereadora Carmem Júlia (MDB) usou seu pronunciamento para falar sobre o Agosto Lilás, e pontuou que o compromisso com a vida e a dignidade é um dever diário, não só neste mês. A parlamentar ainda citou um projeto de sua gestão, que estabelece que bares, restaurantes e casas noturnas, situados no município de Mossoró, adotem medidas de auxílio à mulheres em situação de risco. O projeto foi apresentado em março de 2021, e está na pauta do dia. Você pode conferir o documento completo clicando aqui.

A parlamentar ainda citou a Liga do Câncer, que atende mais de 64 municípios do estado do RN. Carmem Júlia fez um apelo pedindo pagamento do Plus da instituição, que recebe ainda menos do que a unidade de Natal, fato que pode comprometer ou dificultar o tratamento de pacientes oncológicos de Mossoró, uma vez que o deslocamento para a capital é necessário para a realização de parte do processo. O apelo do pagamento é feito ao executivo, que recebe a proposta de conversar com os representantes da Liga para chegarem a uma resolução.

Diretores do Colégio Cívico de Mossoró participam da Tribuna Popular

por Estela Vieira publicado 10/08/2022 11h03, última modificação 10/08/2022 11h03
Otávio Domingos Moreira Santos e Franciane Aparecida Beltoldo falam sobre o Colégio Cívico Felipe Camarão, e os impactos positivos do trabalho realizado na instituição
Diretores do Colégio Cívico de Mossoró participam da Tribuna Popular

Diretores do Colégio Cívico Felipe Camarão participam da Tribuna Popular (Foto: Edilberto Barros/CMM)

Na Tribuna Popular desta quarta-feira, 10, os diretores do Colégio Cívico Felipe Camarão usaram o tempo disponível para falar sobre a importância do colégio, que é uma parceria com o grupo da faculdade Anhanguera. O diretor Otávio Domingos afirma que o colégio recebe crianças a partir dos 04 anos de idade, e as acompanha até o ensino médio, na modalidade de ensino integral. 

De acordo com o diretor da escola, a instituição busca recuperar valores que estão sendo perdidos com o tempo, como a ética e a disciplina, e usa o tempo dos alunos para a realização de atividades que influenciam em sua formação enquanto cidadãos, e o resultado tem sido satisfatório.
“Os pais têm presenciado as crianças com mais disciplina e mais comprometimento”, afirma.

A também diretora da instituição, Franciane Beltoldo, afirma que o colégio busca preparar seus alunos, desde muito cedo, para o mercado de trabalho, que está cada vez mais competitivo. Além disso, a diretora pontua a diferença entre o Colégio Cívico Felipe Camarão e as demais escolas de ensino integral da região.

“Quando se fala em ensino integral, as escolas trabalham o primeiro turno com as disciplinas obrigatórias, e de forma lúdica no segundo turno. Nossa proposta é aproveitar ao máximo o horário da criança e do adolescente, para desenvolver neles competências e habilidades para que eles possam enfrentar o mercado de trabalho”

Os diretores ressaltam, ainda, que toda segunda-feira tem o momento cívico, onde as crianças cantam o hino nacional, o hino do estado do RN, o hino de Mossoró e o hino da independência, com a finalidade de recuperar o civismo dessas crianças.

Comentários dos vereadores

O vereador Francisco Carlos (PP) foi o primeiro a se manifestar, e disse que quanto educador, não defenderia o modelo trabalhado no Colégio Cívico como o único de forma de ensino, mas sim como uma alternativa às famílias que desejam ofertar a seus filhos uma educação dentro desses parâmetros.

Logo em seguida, o vereador Genilson Alves (Pros) parabenizou a todos que fazem a escola, e a metodologia utilizada. O parlamentar ressaltou a importância do ensino integral na formação dos alunos, e cita o projeto de lei que implementa o empreendedorismo nas escolas de Mossoró. O parlamentar diz que o tema levado à Tribuna é muito importante, e traz resultados tanto a curto, quanto a longo prazo, e que Mossoró tem que ver esse formato com bons olhos, para então expandi-lo.

Os comentários finalizaram com a palavra do vereador Nicó Fernandes (CIDADANIA), que parabenizou os diretores pela iniciativa, e afirmou que a educação começa em casa.

Vereador Raério reclama da falta de segurança no RN

por Amanda Santana Balbi publicado 09/08/2022 13h56, última modificação 09/08/2022 13h56
Vereador destacou casos recentes de assassinato
Vereador Raério reclama da falta de segurança no RN

Vereador Raério Araújo. Foto: Edilberto Barros

Em pronunciamento, na sessão ordinária de hoje, 09, o vereador Raério Araújo (PSD) reclamou da violência no Rio Grande do Norte e pediu um minuto de silêncio em respeito às vítimas assassinadas no final de semana, em uma festa na cidade de Grossos/RN.

Para o vereador, o Governo do Estado não está fazendo o que é necessário para a segurança. “Falta estrutura nos batalhões, falta efetivo. Prometem que vão chamar o pessoal aprovado nos concursos e até agora nada”, disse Raério.

O parlamentar citou ainda casos de assassinatos de jovens em Mossoró e cidades vizinhas e clamou por providências. “Estão matando nossos jovens e nada está sendo feito. Todos os finais de semana temos casos de violência”, destacou.

Educação

 Raério reclamou ainda do transporte escolar oferecido para a comunidade Paulo Freire, por parte do Estado. De acordo com o parlamentar, o transporte leva os estudantes às 05 horas da manhã e devolve no final da tarde. “As crianças com fome, esperando o dia todo para voltar pra casa. Isso é um absurdo”, afirmou Raério, cobrando que mais ônibus sejam colocados à disposição dos alunos.  

 

Vereador Lucas denuncia situação da rodoviária de Mossoró

por Amanda Santana Balbi publicado 09/08/2022 13h51, última modificação 09/08/2022 13h51
Vereador também reclamou da demora na confecção de RGs e solicitou ampliação de programas sociais
Vereador Lucas denuncia situação da rodoviária de Mossoró

Vereador Lucas das Malhas. Foto: Edilberto Barros/CMM

O vereador Lucas das Malhas (MDB) reclamou da situação da Rodoviária de Mossoró, durante a sessão ordinária de hoje, 09. Para o vereador, a porta de entrada da cidade está em estado deplorável. “Inauguraram a Central do Cidadão e esqueceram da rodoviária, que está em completo abandono”, afirmou. O parlamentar disse também que o terminal rodoviário está tomado por mato e os banheiros estão quebrados e interditados.

Lucas das Malhas ressaltou ainda a necessidade da ampliação de programas de assistência a pessoas carentes como os Restaurantes Populares e o Programa do Leite. “Pessoas passando fome. A crise, como está, mostra que é necessário que o Governo do Estado amplie essa assistência”, disse.

RG

O vereador também questionou, durante a sessão, a demora na entrega das identidades produzidas na Central do Cidadão de Mossoró. “Está demorando 40 dias para ficar pronta, enquanto em Apodi as pessoas recebem no mesmo dia. Essa situação prejudica pessoas que precisam da identidade renovada para receber benefícios como aposentadoria”, explicou.

 

Vereador Omar Nogueira critica obras municipais e falta de estrutura na zona rural

por Amanda Santana Balbi publicado 09/08/2022 13h46, última modificação 09/08/2022 13h46
Vereador relatou dificuldades no abastecimento de água e estradas vicinais
Vereador Omar Nogueira critica obras municipais e falta de estrutura na zona rural

Vereador Omar Nogueira. Foto: Edilberto Barros/CMM

O vereador Omar Nogueira (Patriota) reclamou da falta de água e da falta de estrutura na zona rural de Mossoró. Omar citou as comunidades Tabuleiro, Ema, Santo Antônio e comunidades do entorno. “Falta água e o acesso das estradas está terrível. Já cobrei na Secretaria de Agricultura uma solução e peço aos senhores vereadores que façam o mesmo”, disse. Sobre educação, o vereador relatou que a escola municipal do Sítio Hipólito está com dificuldades e cobrou uma solução urgente.

Omar Nogueira também criticou a utilização de policiais civis e militares na segurança do Palácio da Resistência. Para o vereador, a situação acaba retirando policiais que deveriam estar nas ruas. “Estão retirando os policiais das ruas. Criticam a falta de segurança, mas não falam dos policiais que ficam à disposição na Prefeitura”, disse.

Obras

O vereador criticou ainda as obras que estão sendo realizadas na cidade. “A Praça do Basquete está esquecida. Uma parte da Estação das Artes está sendo refeita. Queria saber como o secretário municipal de infraestrutura recebe uma obra fora do padrão do projeto”, questionou.

Omar Nogueira garantiu que continuará questionando e fiscalizando as obras públicas. “Ando pelos bairros de Mossoró e verifico de perto o que está ocorrendo. Não sou contra ninguém, sou a favor do povo”, finalizou.  

O Grito dos Excluídos é tema da Tribuna Popular da Câmara de Mossoró

por Estela Vieira publicado 09/08/2022 11h18, última modificação 09/08/2022 11h18
A militante Zélia Regina fala sobre a história do movimento e sua importância social
O Grito dos Excluídos é tema da Tribuna Popular da Câmara de Mossoró

Militante do Grito dos Excluídos, Zélia Regina fala na Tribuna Popular da Câmara de Mossoró (Foto: Edilberto Barros/CMM)

Na Sessão Ordinária desta terça-feira, 09, a militante Zélia Regina usou a Tribuna Popular da Câmara Municipal de Mossoró para falar sobre o movimento O Grito dos Excluídos. Zélia usou seu momento de fala para citar a história dessa bandeira e sua importância para a sociedade mossoroense, principalmente para os cidadãos mais humildes.

A militante expõe que o movimento nasceu em 1995, e desde então está, todos os dias 07 de setembro, desfilando e se manifestando pacificamente na Avenida Rio Branco. Zélia ainda convida todos que tenham interesse a participar das reuniões que acontecem todas as quarta-feiras, no auditório do Centro Feminista 18 de Março. De acordo com ela, as discussões do grupo têm sido em torno dos 200 anos de independência do Brasil, e questionando a que essa independência se refere.

“O grito é democrático e ecumênico, e acontece bem antes do 07 de setembro”, declara. Zélia Regina ressaltou também a importância do movimento para a comunidade do Tranquilim, que hoje vive em condições mais dignas.

Quem comentou na Tribuna Popular foram as vereadoras Marleide Cunha (PT), Larissa Rosado (PSDB), e o vereador Costinha (MDB).

Vereadora Larissa Rosado reflete sobre o Agosto Lilás e a violência doméstica

por Estela Vieira publicado 09/08/2022 11h16, última modificação 09/08/2022 11h16
A parlamentar ainda questiona sobre as políticas feitas para o combate à violência contra a mulher
Vereadora Larissa Rosado reflete sobre o Agosto Lilás e a violência doméstica

Vereadora Larissa Rosado (Foto: Edilberto Barros/CMM)

A vereadora Larissa Rosado (PSDB) usou o pequeno expediente da Sessão Ordinária desta terça-feira, 09, na Câmara Municipal de Mossoró, para falar sobre a importância e a necessidade da luta diária pelos mais necessitados, tendo como base o pronunciamento da Tribuna Popular, feito por Zélia Regina, militante do movimento O Grito dos Excluídos. A parlamentar afirmou que é triste que uma cidade como Mossoró, conhecida por suas riquezas, ainda tenha cidadãos passando fome.

Além disso, a vereadora fez um registro do mês de agosto, que levanta a bandeira da conscientização pelo fim da violência contra a mulher. Neste momento, a parlamentar questionou até que ponto estão sendo feitas políticas eficazes para combater a violência sofrida pelas mulheres. Antes de concluir, Larissa Rosado ainda trouxe um dado do Tribunal de Justiça do RN, que afirma que o órgão emitiu, no último ano, 2.745 medidas protetivas.

“Como mulher, ocupando meu lugar de fala, ocupando um lugar no plenário na Câmara Municipal de Mossoró, não poderia deixar de registrar a importância que temos de debater os temas e as oportunidades para as mulheres mossoroenses”, concluiu.

Vereador Paulo Igo pede mais atenção às Zonas Rurais de Mossoró

por Estela Vieira publicado 09/08/2022 11h14, última modificação 09/08/2022 11h14
O parlamentar reivindicou melhorias para as zonas rurais da cidade
Vereador Paulo Igo pede mais atenção às Zonas Rurais de Mossoró

Vereador Paulo Igo reivindica melhorias para a Zona Rural de Mossoró (Foto: Edilberto Barros/CMM)

O vereador Paulo Igo (Solidariedade) usou o pequeno expediente da Sessão Ordinária desta terça-feira, 09, para reivindicar melhorias para a Zona Rural de Mossoró. O parlamentar iniciou sua fala relatando sobre a estrada do Curral de Baixo, que está a pelo menos 1 ano e 8 meses intrafegável, e que isso prejudica grandemente os moradores da região. O vereador também mencionou que a iluminação de LED não chegou a essa comunidade, e afirma que fez diversos pedidos, mas que a Secretaria de Infraestrutura não o respondeu. 

O edil aproveitou para parabenizar o secretário de infraestrutura de Mossoró pelas ações no bairro Planalto, mas cobra asfalto em ruas de outros setores de Mossoró, como a Rua Anatália de Melo Alves. 

Ao fim de seu pronunciamento, o vereador pediu à Secretaria de Saúde que solucione os problemas da comunidade Olga Benário, que está sem medicamentos e testes de covid, precisando se deslocar para Mossoró para realizar a testagem. De acordo com o parlamentar, a comunidade diz também que os agentes de saúde não dão a devida assistência. Paulo Igo ainda cobrou para a região a Emenda do deputado Girão, destinada à compra de uma ambulância, que nunca chegou à comunidade.

“Peço à Secretaria de Infraestrutura que olhe com mais carinho para a zona rural de Mossoró”, pontuou na conclusão de seu expediente.

Vereador Wiginis do Gás pede justiça por jovem vítima de feminicídio

por Estela Vieira publicado 09/08/2022 11h01, última modificação 09/08/2022 11h01
O parlamentar trouxe à Câmara de Mossoró o caso da jovem Ana Carolina, vítima de feminicídio em julho deste ano
Vereador Wiginis do Gás pede justiça por jovem vítima de feminicídio

Vereador Wiginis do Gás encoraja mulheres a denunciarem seus agressores (Foto: Edilberto Barros/CMM)

Na manhã desta terça-feira, 09, durante a 47ª Tribuna Popular da Câmara Municipal de Mossoró, o vereador Wiginis do Gás (PODE) pediu justiça por Ana Carolina Ferreira de Oliveira, vítima de feminicídio em 12 de julho deste ano. A jovem foi assassinada por seu ex-companheiro, que está foragido.

O edil pontua que a vítima foi morta com 37 facadas, pois o suspeito não aceitava o fim do relacionamento. Ana Carolina deixou dois filhos, de 3 e 6 anos de idade, sendo um deles portador de deficiência. O parlamentar ressalta que a família está com medo e dormindo fora de casa, e faz um apelo para que as mulheres vítimas de violência doméstica e familiar não se calem.

“Mulheres que são vítimas desse tipo de violência, denunciem seus agressores por meio do número 180”, conclui.

Projeto de Lei visa ensinar educação financeira aos estudantes da rede municipal

por Estela Vieira publicado 08/08/2022 11h36, última modificação 08/08/2022 11h36
O Projeto está em processo de tramitação
Projeto de Lei visa ensinar educação financeira aos estudantes da rede municipal

Sessão ordinária. Foto: Edilberto Barros/CMM

Está em tramitação o Projeto de Lei Ordinária do Legislativo nº 92/2022, que dispõe sobre a inclusão, no currículo escolar do ensino fundamental das escolas municipais de Mossoró, o estudo de orientações básicas sobre educação financeira. O PL é de autoria do vereador Lawrence Amorim, e data de 02 de agosto deste ano.

Se aprovado e sancionado, o Projeto tem a finalidade de orientar os alunos sobre a educação financeira desde cedo, dessa forma, no futuro, se tornarão cidadãos aptos a lidar da melhor forma com as situações cotidianas envolvendo o dinheiro. A importância do PL está no fato de que, de acordo com pesquisas, grande parte dos brasileiros têm dificuldade de administrar a vida financeira, não conseguem pagar as suas dívidas ou mesmo organizar um planejamento familiar sólido, tendo como consequência restrições financeiras e a desestabilização social.

“Diante desse quadro, entendemos que Noções de Educação Financeira na rede municipal de ensino possibilitarão melhores condições para a tomada de decisão de forma consciente e fundamentada, devendo o tema ser visto em Mossoró como um dos pilares fundamentais do crescimento e amadurecimento econômico e financeiro da população”, aponta o texto de justificativa do Projeto.

Nicó Fernandes assume cadeira no legislativo mossoroense

por Amanda Santana Balbi publicado 05/08/2022 11h45, última modificação 05/08/2022 11h45
Vereador assumiu após solicitação de licença de Gideon Ismaias
Nicó Fernandes assume cadeira no legislativo mossoroense

Nicó Fernandes assume termo de posse. Foto: Edilberto Barros/CMM

O suplente de vereador Nicó Fernandes (Cidadania) assumiu o mandato como vereador, na manhã dessa sexta-feira, 05, após o pedido de licença para tratar assuntos pessoas, feito pelo vereador Gideon Ismaias (Cidadania). Na cerimônia de posse estiveram presentes o presidente da Câmara Lawrence Amorim, os vereadores Lucas das Malhas (MDB), Wíginis do Gás (Podemos), Marckuty da Maisa (SD), Marrom Lanches (DC), além de apoiadores e autoridades.

Durante a posse, o novo vereador agradeceu à Deus pela oportunidade e aos amigos, famílias, eleitores e colegas de partido pelo apoio. “É uma honra, mais uma vez estar à disposição da cidade de Mossoró. É um privilégio poder trabalhar como parlamentar nesta cidade”, disse Nicó.

Esta é a segunda vez que Nicó Fernandes assume interinamente uma cadeira no legislativo mossoroense. Em 2021, o então suplente assumiu a cadeira de Gideon Ismaias após uma licença para a realização de uma cirurgia. Inicialmente, a solicitação de afastamento do vereador Gideon terá um prazo de 31 dias, que pode ser renovado.

Naldo apresenta PL que reconhece Cacs como atividade de risco

por Amanda Santana Balbi publicado 04/08/2022 12h41, última modificação 04/08/2022 12h41
Projeto de Lei reconhece o exercício das atividades dos Colecionadores, Atiradores e Caçadores como de risco
Naldo apresenta PL que reconhece Cacs como atividade de risco

Vereador Naldo Feitosa. Foto: Edilberto Barros/CMM

Por: Assessoria Naldo Feitosa

O vereador Naldo Feitosa (PSC) apresentou na sessão desta quarta-feira, 3, na Câmara Municipal de Mossoró (CMM), o Projeto de Lei que reconhece o exercício das atividades dos Colecionadores, Atiradores e Caçadores (CACS) como de risco e de ameaça à integridade física.
Agora, o PL será apreciado pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR).   A propositura busca oficializar o risco eminente da atividade e também o risco no transporte de armamentos pelos atiradores desportivos. 
“Na sua função, os Cacs podem ser atacados, pois eles fazem deslocamentos necessários, quando transportam bens de valores, assim como armas e munições que são de grande interesse dos criminosos. Por isso, entendemos a importância de trazermos esse reconhecimento sobre a periculosidade que é atividade dos Cacs”, defendeu Naldo.

Câmara Municipal aprova projeto que viabiliza tecnologia 5G em Mossoró

por Amanda Santana Balbi publicado 04/08/2022 12h20, última modificação 04/08/2022 12h30
Tecnologia torna transmissão de dados mais rápida
Câmara Municipal aprova projeto que viabiliza tecnologia 5G em Mossoró

Sessão ordinária do dia 03 de agosto de 2022. Foto: Edilberto Barros/CMM

A Câmara Municipal de Mossoró aprovou, por unanimidade, um projeto de lei que modifica a legislação municipal para que Mossoró possa receber a tecnologia 5G de internet. A aprovação ocorreu na sessão ordinária desta quarta-feira, 03 de agosto. A tecnologia 5G permite uma maior rapidez na transmissão de dados via internet e nas telecomunicações.

 A autoria do projeto é do vereador e presidente da Câmara Lawrence Amorim (SD), que comemorou a aprovação e destacou a importância da nova tecnologia para o desenvolvimento da cidade. “Ficamos felizes que o projeto foi aprovado na nossa Casa, e após a sanção, nós vamos fazer contato com o ministério das comunicações, buscando que Mossoró seja uma cidade que receba a tecnologia 5G o mais rápido possível.”, afirmou. Agora, o projeto segue para a sanção do prefeito Allyson Bezerra.

Rua

Na mesma sessão ordinária, um outro projeto de lei, de autoria do vereador Tony Fernandes (SD), que delimita e determina o nome de uma rua, também foi aprovado. O projeto torna oficial a Rua Francisco das Chagas Nascimento, com início na Rua Maria Simão do Nascimento, e término na Avenida Herondina Cavalcante Dantas, bairro Dom Jaime Câmara.

O vereador justificou que o acesso aos serviços básicos como a entrega de correspondências ou direito à água, luz e serviços de internet necessita que o logradouro ao qual se destine tenha um nome oficial. E o projeto de lei aprovado vai facilitar o acesso dos moradores a esses serviços.

O nome da rua foi escolhido para homenagear Francisco das Chagas Nascimento, que desde 2014 até o dia do seu falecimento, aos 74 anos, residiu na referida Rua e era conhecido por todos, com uma trajetória profissional de 32 anos voltados para a Educação, deixando um legado também na vida de seus alunos.

Ações do documento